Segredo de luisa

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 11 (2568 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 24 de maio de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Carteiro escreve ""Jacques Cousteau, graças às suas aventuras oceânicas, várias vezes alertou para que ficássemos cientes da poluição, gerada principalmente pelas pressões do excesso de consumo e da superpopulação.

Num editorial que escreveu, afirmou que o excesso de informação apenas aumenta a poluição mental e a confusão. Disse: “A mente deve ser cultivada e irrigada - e não inundada.” Elesolicitou às pessoas que saíssem para fora das auto-estradas da informação e voltassem às estradas laterais e aos caminhos alternativos da vida.

Muitas vezes, na vida, a quantidade de informações cresce ao ponto de precisarmos de as engolir sem mastigar, sem as sentir com o coração, sem ter tempo de fazer uma reflexão a respeito ou de deixar ali uma pequena contribuição. Então, sem que nospercebamos podemos estar a intoxicar-nos com esse excesso, sobrecarregando os nossos dispositivos mentais e acomodando-nos a uma posição de meros consumidores de "fast-food mental".

A partir daí, mesmo o alimento mais sagrado acaba por ser engolido como se fosse uma mera sandes de café de esquina, e todos aqueles pequenos sinais que revelam a presença de Deus em todas as coisas, tornam-seinvisíveis, pois estamos mentalmente enfraquecidos por essas toxinas. Não é à toa que a nossa famosa "era da informação" coincide com a era da poluição ou da contaminação.

O poder não está na informação e sim na Consciência, por isso é importante termos cuidado com as curiosidades intelectuais, com a ambição (gula) mental e com as pressões impostas pelo meio, procurando sempre cultivar o desapego peloconhecimento, e principalmente a reverência por tudo, pois a vitamina de que estamos a necessitar pode estar, justamente, contida naquilo que consideramos mais insignificante.

Tentar mergulhar sempre no lado mais profundo que cada coisa tem, é muito recomendável, assim como aí passar o maior tempo possível submerso também. Aliás, a alimentação integral é isso mesmo, é quando aprendemos adigerir a parte profunda do alimento, aquela que está nas suas dimensões mais interiores, (a parte "light" no sentido correcto do termo, pois significa luz). Lá no fundo há silêncio e verdade, mas nos congestionamentos dos dados da superfície predomina um abuso de ruídos que se vão acumulando, e que causam desequilíbrio e desorientação. E, aos poucos, perdemos a capacidade de discernir o que realmentenecessitamos de saber e também a capacidade de percebermos onde há vida e onde não há, o que é realmente novo do que apenas tem aparência de novo.

Muito material é gerado sem quase nenhum propósito a não ser o de exercitar algumas imaginações escorregadias e muito pouco coerentes, situação típica de quem está a tentar desenvolver a mente abstracta sem nenhuma base concreta. E muitas páginas eteses circulam por aí como se fossem canalizações proféticas importantes, apenas porque fazem uso de palavras que estão na última moda do momento.

Muitos correm atrás de um excesso de notícias supérfluas, porque se sentem inseguros e temem aquelas outras que vem das regiões abissais de si mesmos com uma luzinha na ponta do nariz. Podemos observar que a maioria dos ansiosos e orgulhososobesos-mentais são subnutridos, eles nem imaginam que apesar de terem desenvolvido uma mente forte e treinada, sustentam bloqueios e preconceitos que dificultam o aprofundamento real. Falta-lhes fôlego, ou seja, a capacidade de se manterem humildes diante de cada questão, num silêncio-activo, até que uma chave intuitiva revele a essência do conhecimento que procuram saber: isto equivale ao despertar dolado feminino da nossa consciência.

Assim, mais importante do que acumular informações, será cultivar uma certa qualidade de "vazio", um vácuo capaz de atrair somente aquilo que preenche o entendimento, aquilo que traz a compreensão harmónica afinada com uma meta superior.

Actualmente, como o nosso discernimento, abertura e capacidade de aceitação ainda estão num estágio intermediário de...
tracking img