Seade

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1005 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 22 de março de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
Qual o objetivo e finalidade do site – SEADE?
Auxiliar cidadãos, gestores públicos, empresários e jornalistas a compreender melhor as características específicas da realidade paulista, as mudanças sociais, as transformações econômicas e os impactos das políticas públicas nos seus 645 municípios.

Taxa de Natalidade (Por mil habitantes)
Relação entre os nascidos vivos de uma determinadaunidade geográfica, ocorridos e registrados num determinado período de tempo, e a população estimada para o meio do período, multiplicados por 1000.

Taxa de Natalidade | = | Nascidos Vivos | X 1.000 |
| | População ao Meio do Período | |

Taxa de Fecundidade Geral (Por mil mulheres entre 15 e 49 anos)
Relação entre o número de nascidos vivos ocorridos numa determinada unidade geográfica, numperíodo de tempo, e a população feminina em idade fértil (15 a 49 anos) residente na mesma unidade estimada para o meio do período, segundo a fórmula:

Taxa de Fecundidade Geral | = | Nascidos Vivos | X 1.000 |
| | População Feminina Entre 15 a 49 Anos | |

Taxa de Mortalidade Infantil (Por mil nascidos vivos)
Relação entre os óbitos de menores de um ano residentes numa unidadegeográfica, num determinado período de tempo (geralmente um ano) e os nascidos vivos da mesma unidade nesse período, segundo a fórmula:

Taxa de Mortalidade Infantil | = | Óbitos de Menores de 1 Ano | X 1.000 |
| | Nascidos Vivos | |

Taxa de Mortalidade na Infância (Por mil nascidos vivos)
Relação entre os óbitos de menores de cinco anos de residentes em uma unidade geográfica, em determinadoperíodo de tempo (geralmente um ano), e os nascidos vivos da mesma unidade nesse período.

Taxa de Mortalidade da População entre 15 e 34 Anos (Por cem mil habitantes nessa faixa etária)
Relação entre os óbitos da população de 15 a 34 anos em uma unidade geográfica, em determinado período de tempo (geralmente um ano), e a população nessa faixa etária estimada para o meio do período, segundo afórmula:

Taxa de Mortalidade da População entre 15 e 34 Anos | = | Óbitos da População de 15 a 34 Anos | X 100.000 |
| | População entre 15 e 34 Anos | |

Taxa de Mortalidade da População de 60 Anos e Mais (Por cem mil habitantes nessa faixa etária)
Relação entre os óbitos da população de 60 anos e mais em uma unidade geográfica, em determinado período de tempo, e a população nessa faixaetária estimada para o meio do período, segundo a fórmula:

Taxa de Mortalidade da População com 60 Anos e Mais | = | Óbitos da População de 60 Anos e Mais | X 100.000 |
| | População com 60 Anos e Mais | |

Mães Adolescentes (com menos de 18 anos) (Em %)
Proporção de Mulheres com idade inferior a 18 anos e que tenham tido pelo menos um filho nascido vivo no ano de referência, emrelação ao total de mulheres que tiveram filhos nesse mesmo período.

Mães que Tiveram Sete e Mais Consultas de Pré-Natal (Em %)
Proporção de Mulheres com sete e mais consultas de pré-natal no ano de referência, em relação ao total de mulheres que tiveram filhos no mesmo período.

Partos Cesáreos (Em %)
Proporção de Partos cesáreos de Nascidos Vivos em relação ao total de Nascidos Vivos.Nascimentos de Baixo Peso (menos de 2,5kg) (Em %)
Proporção de Nascidos Vivos com peso inferior a 2,5 kg em relação ao total de Nascidos Vivos.

Gestações Pré-Termo (Em %)
Proporção de Nascidos Vivos com menos de 37 semanas de gestação em relação ao total de Nascidos Vivos.

Fonte: FUNDAÇÃO SEADE.

CONDIÇÕES DE VIDA –

Índice Paulista de Responsabilidade Social – IPRS – Dimensão Riqueza
Osindicadores do IPRS sintetizam a situação de cada município no que diz respeito a riqueza, escolaridade e longevidade, e quando combinados geram uma tipologia que classifica os municípios do Estado de São Paulo em cinco grupos, conforme as características descritas no quadro abaixo.

Índice Paulista de Responsabilidade Social – IPRS – Dimensão Longevidade
Os indicadores do IPRS sintetizam a...
tracking img