Scm - supply chain management

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 15 (3711 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 27 de novembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
INTRODUÇÃO

Para aumentar seu potencial competitivo, as empresas precisam que os
gerentes tenham percepção dos diferentes focos de operação, que é
constantemente influenciado pela economia de escala, analisando as atividades executadas da empresa e por seus parceiros, dando lugar à rapidez de entrega, flexibilidade de volume, confiabilidade de entrega e diferenciação do produto.
Desta forma,para suprir a necessidade do cliente e otimizar seus próprios
resultados, têm se trabalhado com o gerenciamento da cadeia de suprimento que envolve o controle dos fluxos entre os estágios da cadeia de todas as funções envolvidas no pedido do cliente, definida como “a gestão da cadeia completa do suprimento de matérias-primas, manufatura, montagem e distribuição ao consumidor final” paramaximizar a lucratividade total.
A proposta considera que a SCM trata basicamente da integração de recursos humanos e físicos intermediários que possibilitam o alcance do objetivo final de
satisfação do cliente, com entregas no prazo e com qualidade, além do
compartilhamento dos riscos causados pelas incertezas da demanda, com objetivo de manter a sobrevivência e competitividade.

Supply ChainManagement

O período entre 1980 e 2000 foi marcado por grandes transformações nos conceitos gerenciais, especialmente no que toca à função de operações. O movimento da qualidade total e o conceito de produção enxuta trouxeram consigo em conjunto de técnicas e procedimentos como o JIT (just un time) CEP (controle estatístico do processo) QFD (qulity function deployment - desdobramento de funçãoqualidade), Kanban e engenharia simultânea. Amplamente adotadas em quase todos os países industrializados de economia de mercado, estas técnicas e procedimentos contribuíram para um grande avanço da qualidade e produtividade. Na trilha deste turbilhão de mudanças dois outros conceitos surgiram e vêm empolgando as organizações produtivas.
O primeiro deles, a logística integrada, despontou no começo dadécada de 80 e evoluiu rapidamente nos 15 anos que se seguiram, impulsionada principalmente pela evolução da tecnologia de informação e pelas exigências crescentes de desempenho em serviços de distribuição, consequência principalmente dos movimentos da produção enxuta e do JIT. Embora ainda em evolução, o conceito de logística integrada já está bastante consolidando nas organizações produtivasdos países mais desenvolvidos, tanto a nível conceitual quanto de aplicação. O segundo
dos conceitos, o Supply Chain Management -SCM, ou Gerenciamento da Cadeia de Suprimentos, começou a se desenvolver apenas no início dos anos 90. Mesmo a nível internacional, são poucas as empresas que já conseguiram implementá-lo com sucesso, e a nível acadêmico o conceito ainda pode ser considerado emconstrução. Existem inclusive alguns profissionais que consideram o SCM como apenas um novo nome, uma simples extensão do conceito de logística integrada, ou seja, uma ampliação da atividade logística para além das fronteiras organizacionais, na direção de cliente e fornecedores na cadeia de suprimentos.
Em contraposição a esta visão restrita, existe uma crescente percepção de que o conceito de SupplyChain Management é mais do que uma simples extensão da logística integrada, pois inclui um conjunto de processos de negócios que em muito ultrapassa
as atividades diretamente relacionadas com a logística integrada. Além disso, existe
uma clara e definitiva necessidade de integração de processos na cadeia de suprimentos.
O desenvolvimento de novos produtos é talvez o mais óbvio deles, pois váriosaspectos do negócio deveriam ser incluídos nesta atividade, tais como: o marketing para estabelecer o conceito; pesquisa e desenvolvimento para a formulação do produto; fabricação e logística para executar as operações; e finanças para a estruturação do financiamento. Compras e desenvolvimento de fornecedores são outras duas atividades que extrapolam funções tradicionais da logística, e que...
tracking img