Saussure

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 2 (290 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 26 de setembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
CURSO DE
.. ,

LINGUISTICA GERAL
Organizado
CHARLES BALLY

por
SECHEHAYE

e

ALBERT

com a colabora~ao
ALBERT

de

RIEDLINGER

Pre facio

a

edi~aobrasileira:
SALUM

ISAAC NICOLAU

(da Universid'ade

de S. Paulo)

c\

CdI'
I

x

Qual e 0 objeto, ao mesmo tempo integral e concreto, da Lingiiistica? A questaoeparticularmente dificil: veremos Limitemo-nos, aqui, a esclarecer a dimais tarde por que. ficuldade. Outras ciencias trabalham com objetos dados prh·iamente e que se podem considerar, emseguida, de varios pontos de vista; em nosso campo, nada de semelhante ocorre. Alguem pronuncia a palavra nu: urn observador superficial sera tentado aver nela urn objetolingiiistico concreto; urn exame mais atento, porem, nos levara a encontrar no caso, uma apos outra, tres ou quatro coisas perfeitamente diferentes, con forme a maneira pela qualconsideramos a palavra: como som, como expressao duma ideia, Como correspondente ao latim nudum etc. Bern longe de dizer que 0 objeto precede 0 ponto de vista, diriamos que e 0 ponto devista que cria 0 objeto; alias, nada nos diz de antemao que uma dessas maneiras de considerar 0 fa to em questao seja anterior ou superior as outras. Alem disso, seja qual for a quese adote, 0 fenomeno lingiiistico apresenta perpetuamente duas faces que se correspondem e das quais uma nao vale senao pela outra. Por exemplo: 1.9 As silabas que Se articulam saoimpressoes acusticas percebidas pelo ouvido, mas os sons nao existiriam sem os orgaos vocais; assim, urn n existe somente pela correspondencia desses dois aspectos. Nao se podereduzir entao a lingua ao

som, nem separar 0 som da articulac;;ao vocal; reciprocamente, nao se podem definir OS movimentos dos 6rgaos vocais se se fizer abstrac;;ao da impressa
tracking img