Saude

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 40 (9956 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 7 de maio de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
CADERNETA DE ORIENTAÇÃO E CONTROLE
NOGUEIRA IDB e cols. Caderneta de orientação e controle da atividade física para reabilitação cardíaca não-supervisionada

DA ATIVIDADE FÍSICA PARA REABILITAÇÃO CARDÍACA NÃO-SUPERVISIONADA
IVAN DANIEL BEZERRA NOGUEIRA, CRISTIANE PULZ, PATRÍCIA ANGÉLICA DE MIRANDA SILVA NOGUEIRA, PAULO ALBERTO TAYAR PERES, XIOMARA MIRANDA SALVETTI, JAPY ANGELINI OLIVEIRAFILHO
Universidade Federal de São Paulo – Escola Paulista de Medicina Endereço para correspondência: Rua Borges Lagoa, 512 – ap. 24 – Bloco C – CEP 04038-000 – São Paulo – SP A reabilitação cardíaca não-supervisionada é um procedimento terapêutico útil na doença coronária, contribuindo para o controle dos fatores de risco e para a melhoria da capacidade funcional. Pode ser realizada em ambulatórios,residências e logradouros públicos, com supervisão multiprofissional à distância. Seu objetivo principal é estender, sob supervisão indireta, a prática de exercícios a maior número de pacientes, de preferência considerados de baixo risco para esforço físico (Classe B, Sociedade Brasileira de Cardiologia). Todavia, a reabilitação cardíaca não-supervisionada necessita de orientação e controle, comconsultas periódicas e instruções teórico-práticas adequadas. É útil para o paciente receber uma caderneta, contendo os detalhes do protocolo de treinamento. O objetivo deste estudo é propor um modelo de caderneta interativa para a orientação e o controle do programa de exercícios físicos. Baseada no “AHA Scientific Statement” (2001) e no I Consenso Nacional de Reabilitação Cardiovascular (1997),vem sendo utilizada no ambulatório de reabilitação cardíaca não-supervisionada da Escola Paulista de Medicina. Composta por dez páginas, escritas em linguagem leiga apropriada aos pacientes, contém as normas fundamentais do treinamento: prescrição do exercício, desenvolvimento das sessões, recomendações práticas (“Os Dez Mandamentos do Exercício Seguro”), relação de sinais e sintomas de treinamentoexcessivo, ficha para controle individual da aderência, registro de marcação de retornos e páginas para anotações. Apresenta doze gravuras ilustrativas sobre técnicas de alongamento muscular de tronco e membros. Na prática diária, tem-se mostrado útil para aumentar a eficiência do programa e a aderência ao protocolo e para aferir o desempenho do paciente em reabilitação não-supervisionada.Palavras-chave: exercício, reabilitação, doença coronária. (Rev Soc Cardiol Estado de São Paulo. 2005;5 Supl A:1-7) RSCESP (72594)-1550

INTRODUÇÃO A reabilitação cardíaca é procedimento consagrado no tratamento da doença coronária, por melhorar a capacidade funcional e a qualidade de vida, favorecer mudança de hábitos após evento coronário, modificar os fatores de risco e reduzir os índices demorbidade e de mortalidade(1, 2). A reabilitação cardíaca supervisionada, programa de reabilitação tradicional, é realizada em clínicas

especializadas ou em hospitais. Entretanto, estima-se que apenas 25% dos pacientes coronários aptos ao programa de reabilitação cardíaca tenham acesso ao mesmo, por dificuldades de ordem econômica, social e cultural(3). Os protocolos de reabilitação cardíacanão-supervisionada procuram estender os benefícios do exercício a maior número de indivíduos(4), em geral Classe B da Sociedade Brasileira de Cardiologia. Programas de reabilitação cardíaca não-supervisionada foram publicados inicialmente

Rev Soc Cardiol Estado de São Paulo — Vol 15 — No 5 (supl A) — Setembro/Outubro de 2005

1

NOGUEIRA IDB e cols. Caderneta de orientação e controle da atividadefísica para reabilitação cardíaca não-supervisionada

por Williams e colaboradores(5), em 1981, tendo sido revistos pela Sociedade Brasileira de Cardiologia em 1997(6) e pela “American Heart Association” em 2001(7). A reabilitação cardíaca não-supervisionada deve ser iniciada com período de treinamento supervisionado; em muitos casos, esse período tem sido substituído por palestras e ins-...
tracking img