Saude publica

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 12 (2787 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 6 de outubro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
A alta prevalência de sedentarismo na sociedade atual tem sido um problema recente para a civilização moderna, é um dos principais desafios no campo da saúde pública. Comprovam este fato, a predominância atual de esforço físico de muito leve intensidade na maioria das atividades humanas, o que demanda um gasto energético inferior a 500 kcal por dia, valor este 15 vezes menor se comparado ao denossos ancestrais que viveram há 100 mil anos, que por serem nômades, andarilhos, caçadores e coletores de alimentos, necessitaram gastar em torno de oito mil kcal diárias com atividades de sobrevivência

I. O QUE É SEDENTARISMO?

O sedentarismo já é considerado a doença do próximo milênio. Na verdade trata-se de um comportamento induzido por hábitos decorrentes dos confortos da vida moderna.Com a evolução da tecnologia e a tendência cada vez maior de substituição das atividades ocupacionais que demandam gasto energético por facilidades automatizadas, o ser humano adota cada vez mais a lei do menor esforço reduzindo assim o consumo energético de seu corpo.

II. QUAIS SÃO AS CONSEQUENCIAS DO SEDENTARISMO?

Falta de preparo físico para as atividades subsistenciais. Isso gera muito:
•Cansaço físico e Mental
• Indisposição, desânimo (preguiça)
• Dores (muitas vezes causadas pela falta de circulação de Sangue). Etc.

III. QUAIS SÃO AS DOENÇAS ASSOCIADAS À VIDA SEDENTÁRIA?
1) Hipercolesterolemia - Aumento do Nível de Colesterol, aumenta em muito o risco de doenças do coração.

2) A Obesidade - Deposição excessiva de gordura no organismo, levando a um peso corporal queultrapassa em 15%, ou mais, o peso ótimo. Entre as doenças mais comuns causadas pela obesidade estão:
• Artrose - Doença articular que pode provocar incapacidade física. O mal se caracteriza pela perda progressiva da cartilagem das juntas.
• Hipertensão – A conhecida pressão alta é a elevação da pressão arterial para índices acima dos valores considerados normais. Pode causar lesões em diferentesórgãos do corpo humano, tais como cérebro, coração, rins e olhos.
• Diabetes – Distúrbio que se caracteriza por altas taxas de açúcar no sangue e que prejudica todo o metabolismo do corpo humano. É causada pela falta de um hormônio chamado insulina, que é produzido pelo pâncreas. A falta de controle dessa doença pode levar o paciente ao infarto do coração, derrame cerebral, cegueira, insuficiênciarenal, amputações, entre outros.

IV. COMO DEIXAR DE SER SEDENTÁRIO?

• É Preciso ter consciência do Mal causado pelo sedentarismo
• É Preciso Atitude de mudança de vida.
• É Preciso disposição para pagar o preço.
• É preciso ser orientado por um profissional da área
• Não pode faltar perseverança.
VIDA ATIVA
Resumo
A prática de exercícios físicos constitui um comportamento fundamentalpara a melhoria da saúde em qualquer faixa etária, indivíduos fisicamente ativos tendem a apresentar menos mortalidade e morbidade pelas doenças degenerativas. O estilo de vida ativo produz uma série de benefícios para os indivíduos. Assim, o objetivo deste estudo foi refletir acerca da produção científica entorno do estilo de vida ativo e as orientações para a prática regular dos exercíciosfísicos. Ao final deste estudo acredita-se que a atividade física orientada por um professor de educação física associada a outros comportamentos positivos podem prevenir uma série de doenças.
Nos comportamentos diários das pessoas percebem-se hábitos positivos e negativos que afetam diretamente a saúde. Os comportamentos negativos estão estreitamente relacionados às principais causas de morte da atualsociedade, a hipertensão, obesidade, diabetes, doenças cardiovasculares e o câncer (NAHAS, 2003; FARIAS JUNIOR, 2004).
Considera-se um indivíduo sedentário aquele que tenha um estilo de vida com um mínimo de atividade física, equivalente a um gasto energético inferior a 500 kcal por semana (NAHAS, 2003: 34). Somente nestas ultimas décadas que estudos epidemiológicos vêm confirmando a...
tracking img