Saude do trabalhador

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 21 (5225 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 24 de fevereiro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
INTRODUÇÃO

Neste trabalho será abordada a questão da Saúde do Trabalhador. Sobre esta, pode-se afirmar que é uma área da Saúde Pública que prevê o estudo, a prevenção, a assistência e a vigilância aos agravos à saúde relacionados ao trabalho, fazendo parte do Direito Universal à Saúde. A execução de suas ações é de competência do Sistema Único de Saúde (SUS). Dessa forma, será traçado umbreve panorama sobre o Sistema Único de Saúde (SUS), que realiza trabalhos para esse setor, sendo responsável pelas demandas que ele apresenta.
Ao longo do trabalho, encontra-se um desenvolvimento acerca da Saúde do Trabalhador, envolvendo tópicos como: A Evolução Histórica do Conceito de Saúde X Trabalho, onde se encontra algumas informações sobre o começo do tema apresentado no trabalho; A Saúdedo Trabalhador no SUS, abrangendo os tópicos Vigilância em Ambientes e Processos de Trabalho, que relata a respeito das denúncias públicas e as ações de vigilância, Controle Social, que aborda em poucas palavras o CONSEST e um tópico que aborda as doenças relacionadas ao trabalho; A Saúde do Trabalhador na UFJF, com ênfase a Gerencia de Saúde e Segurança do Trabalhador (Coordenadoria de Saúde eBem-Estar/Pro- Reitoria de Recursos Humanos); As Novas Conquistas da Saúde do Trabalhador e anexos, onde estão expostas fotos e algumas informações sobre o assunto.
Além do mais, encontra-se neste trabalho, uma entrevista realizada com a assistente social Renata Mercês Oliveira de Faria, assistente social responsável pela Gerencia de Saúde e Segurança do Trabalhador, que se localiza na UniversidadeFederal de Juiz de Fora (UFJF).
Enfim, o objetivo maior deste trabalho, é a partir de estudos e pesquisas sobre o assunto, expor, abordar e entender como funciona a Assistência de Saúde do Trabalhador, procurando enfatizar as conquistas, os avanços, os limites e os desafios desse setor, especialmente, na Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF).

1. A Evolução Histórica do Conceito deSaúde X Trabalho

O interesse pela proteção ao operário no seu ambiente de trabalho, ganhou maior ênfase no século XIX, com o impacto da Revolução Industrial. As fábricas, nesta época, eram improvisadas em galpões, estábulos e velhos armazéns, principalmente em grandes cidades que tinham mão-de-obra abundante. Nestes locais, a situação dos trabalhadores era dramática, as jornadas de trabalhoeram extenuantes, os ambientes extremamente desfavoráveis à saúde, aos quais se submetiam mulheres e crianças.
Todo esse contexto gerou, em 1802, na Inglaterra, a primeira lei de proteção aos trabalhadores, a “Lei de Saúde e Moral dos Aprendizes”, que estabelecia o limite de 12 horas de trabalho por dia, proibia o trabalho noturno e tornava obrigatória a ventilação do ambiente de trabalho e alavagem das paredes das fábricas.
Décadas depois, em 1833, o Parlamento Britânico promulgou o “Factory Act”, sendo a primeira norma realmente eficiente no campo da proteção ao trabalhador, exigindo exames médicos de todas as crianças trabalhadoras.
Em 1834, na Inglaterra, é nomeado o primeiro “Inspetor-Médico de Fábricas” e em 1842, na Escócia, a direção de uma fábrica têxtil contrataum médico que deveria submeter os menores trabalhadores a exames médicos admissionais e periódicos.
Assim, a saúde dos trabalhadores não é uma preocupação recente, pois o impacto da Revolução Industrial foi tão espetacular e espoliador da vida operária, que se converteu num tema de estudo e ação.
A área de saúde do trabalhador, no Brasil, tem uma conotação própria, reflexo da trajetóriaque lhe deu origem, bem específico do percurso histórico do país. São marcos as lutas de movimentos sociais, marcados por resistências, conquistas e limitações, o respeito/desrespeito dos empresários quanto às legislações existentes e a omissão do Estado na definição e implementação de políticas nesse campo.
No Brasil, a relação entre trabalho e saúde aparece relativamente tarde na evolução...
tracking img