Sandra

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 25 (6163 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 7 de março de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
HYGEIA, Revista Brasileira de Geografia Médica e da Saúde - www.hygeia.ig.ufu.br/ ISSN: 1980-1726

USO DO SIG NA ANÁLISE DA DENGUE: APLICAÇÃO NA MICRORREGIÃO DE MONTES CLAROS/BOCAIÚVA (MG) 1 USE OF GIS ON ANALYSIS OF DENGUE: APPLICATION IN MICROREGION OF MONTES CLAROS/BOCAIÚVA (MG)
Marcos Esdras Leite Professor do Depto. de Geociências Doutorando em Geografia IG/UFU. Bolsista da FAPEMIGmarcosesdras@ig.com.br Diego de Sousa Ribeiro Fonseca Acadêmico de geografia diegosousarf@gmail.com Cynara Kaliny Ribeiro Braz Acadêmica de Ciências Biológicas cynarabraz@hotmail.com Universidade Estadual de Montes Claros - UNIMONTES RESUMO Este trabalho busca analisar a distribuição e evolução da dengue, através da análise dados estatísticos, cedidos pela Gerência Regional de Saúde da macrorregião doNorte de Minas Gerais, com enfoque na Microrregião de Montes Claros/ Bocaiúva. Essa pesquisa foi realizada a partir do cruzamento de dados alfanuméricos e discriminando os em mapas temáticos. Essas etapas foram realizadas com uso dos Sistemas de Informações Geográficas- SIG, o qual se permitiu que obtivesse novas informações sobre a manifestação espacial dessa doença. A dengue tem trazidoinquietação dos agentes sociais pelos malefícios que tem gerado às populações de todo os países tropicais e subtropicais. Ela é conseqüência de ações antrópicas irracionalizadas, que acabam desequilibrando o meio ecológico e trazendo prejuízos diretos ao homem urbano. Dessa forma, diante desse tema de interesse social, foram discutidas as possíveis causas para a disseminação dessa anomalia que preocupa omundo desde a época da colonização ibérica. Como resultado deste trabalho nota-se uma variação na ocorrência de surtos de dengue, isso esta relacionado a fatores de política de prevenção, infra-estrutura urbana, carência social e instrução da população. Além, das ações do homem sobre a natureza. Portanto, para reverter esse quadro de desequilíbrio é necessária uma ação mais efetiva na prevenção domosquito causador de tal moléstia, principalmente nas áreas mais crentes, como o Norte de Minas. Palavras-chave: Dengue, urbanização, sociedade e SIG.

ABSTRACT This paper seeks to analyze the distribution and evolution of dengue, by examining statistics, assigned by the Regional Health Management of macro North of Minas Gerais, with focus on Microregião of Montes Claros / Bocaiúva. This Searchwas conducted from crossing alphanumeric data and broken into thematic maps. These steps were performed with use of Geographic Information Systems-GIS, which
11

Recebido em: 10/03/2008 Aceito para publicação em: 22/04/2008 Página 126

Hygeia 3(6):126-141, Jun/2008

Uso do SIG na análise da dengue: aplicação na microrregião de Montes Claros/Bocaiúva (MG)

Marcos Esdras Leite, Diego deSousa Ribeiro Fonseca, Cynara Kaliny Ribeiro Braz

allowed that obtained new information on the spatial manifestation of this disease. The dengue has brought concern of the social evils that have generated the people of all tropical and subtropical countries. It is a consequence of human actions irrational, which ultimately destroying the ecological environment and providing direct damage to theurban man. Thus, before this issue of social concern, were discussed as possible causes for the spread of this anomaly that worries the world since the era of colonization Iberian. As a result of this work there is a change in the outbreak of dengue fever, that this related to political factors, prevention, urban infrastructure, education and social deprivation of the population. In addition, theactions of man over nature. So, to reverse this imbalance is necessary framework for an action more effective in the prevention of mosquito cause of this disease, especially in the areas most believers, as the Norte de Minas. Keywords: Dengue, urbanization, society and GIS.

INTRODUÇÃO Diversos teóricos da linha neomalthusiana argumentam que as enfermidades que sempre atormentaram a humanidade...
tracking img