Saindo do cativeiro

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1031 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 10 de abril de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
O Natal e as diferentes religiões
Católicos, judeus, espíritas, protestantes e budistas falam sobre a data e a forma de comemorar de cada um
|
|
O Natal é uma criação do cristianismo, mas talvez a única festa em que todos os povos, independente de crença, tomam a data para momentos de reuniões entre a família e amigos. Há, sim, quem veja a data apenas como uma ocasião meramente comercial;por outro lado, o cunho religioso é indispensável numa noite onde predomina os sentimentos mais nobres.
Nesse sentido, o Portal Infonet traz para você, internauta, exemplos de como algumas doutrinas presentes em nosso país vêem e celebram a data. Dispensando as diferenças, todas ressaltam a importância do Natal, independente do modo e de quando ele é comemorado.
Católicos
|
Frei Anilsondiz que Cristo é o foco da festa para os católicos |
Para os adeptos da religião mais predominante no Brasil, o Natal é o aniversário de nascimento de Jesus Cristo. Segundo frei Anilson, da Paróquia São Judas Tadeu, conhecida como Igreja dos Capuchinos, os católicos celebram a encarnação do Filho de Deus. “Cristo é o nosso foco, nosso centro das atenções”, disse.
Como tradição, de acordo com ofrei, os católicos costumam comemorar a data em família, em alusão à Sagrada Família, formada por Maria, José e o Menino Jesus. Tal importância tem esse aspecto para os católicos, que as pessoas costumam se reunir em um único lugar. Quem mora em outras cidades ou países, costuma viajar para comemorar a data com os familiares. Antes da tradicional ceia e da troca de presentes, entretanto, os católicoscostumam ir à igreja para a comemoração religiosa, que começa na véspera e se estende até o dia 25 de dezembro.
A ‘Misa do Galo’, realizada na véspera, é a principal. “Por muitos anos ela era rezada à meia-noite, mas a conjuntura atual não permite mais isso. A violência, principalmente, foi um dos fatores que fizeram as paróquias mudarem o horário”, explica frei Anilson. Neste ano a Igreja dosCapuchinhos celebrará a missa às 19h. Depois dela vem outro elemento tradicional dos festejos, o Auto de Natal. Nele, há a dramatização do nascimento de Cristo por membros da igreja. “O presépio, que hoje é montado em vários lugares, foi uma invenção de São Francisco de Assis”, conta o frei.
|
Pastor Luiz Paulo diz que evangélicos comemoram em cultos |
Evangélicos
O mesmo foco a festa tempara os evangélicos. Segundo o pastor da Igreja do Evangelho Quadrangular Luiz Paulo, o Natal é uma das principais comemorações do cristianismo e, assim como os católicos, os protestantes celebram o nascimento de Cristo. “Os cultos são mais simples, realizados como de costume. O diferencial, entretanto, está no acréscimo de músicas e apresentações que traduzem a importância da data”, explica opastor.
As celebrações, acrescenta ele, tomam como foco a reafirmação dos princípios cristãos e a ênfase na doutrina de Cristo. “O diferencial fica por conta da simplicidade mesmo. Outras igrejas são mais tradicionais e realizam as festividades com mais antecedência, por uma questão de tradição, o que deixa a festa com maior beleza”, considera.
O pastor Luiz Paulo diz, ainda, que apesar de criticaremo apelo comercial que a época ganha, esta característica não anula o verdadeiro sentido dos festejos natalinos. “É um momento de união, de recomeço. O sentido que cada um dá à data é relativo”, diz.
|
Lion Schuster explica que judeus comemoram em setembro / Foto: Arquivo JC |
Judeus
Enquanto os cristãos comemoram em dezembro, os judeus celebram as festas de fim de ano em setembro. Mas, deacordo com o economista Lion Schuster, adepto da religião, nenhum judeu deixa de comemorar o Natal ou Ano Novo. “Fazemos assim enquanto brasileiros, em respeito à religião que seguem. Não é a nossa festa, mas comemoramos também”, disse.
Em 2010, os judeus comemorarão a chegada do ano 5010. Além de celebrarem a data em seus templos, com a pregação feita pelo rabino – o que assume a figura do...
tracking img