Sadia: “para uma vida mais gostosa”.

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1098 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 27 de janeiro de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
ETE – Almirante Soares Dutra.

Crislayne Barreto do Nascimento.

Técnico em Logística.
(Fundamentos do Mercado Exterior)

SADIA: “Para uma vida mais gostosa”.

Olinda/PE
2012
Crislayne Barreto do Nascimento

SADIA: “Para uma vida mais gostosa”

Projeto de pesquisa apresentado ao Curso Técnico de Logística, da Escola Técnica Almirante Soares Dutra - EAD, para obtenção de nota daatividade semanal 1.
Professor – Pesquisador: Ana Rosa Cavalcanti da Silva.

Olinda/ PE
2012
Sumário
1.A história da Sadia.................................................04
2.Referências.............................................................13
3.Anexos...................................................................14

A história da SADIA.
Nos anos 40, década em que a Sadia foifundada, o nosso país estava passando por transformações e a industrialização no Brasil estava em um caminho promissor.
A primeira sede da Sadia no Brasil foi no município de Concórdia, SC, pois a região estava entre os 10 municípios mais prósperos do estado, com relação a criação de suínos e o cultivo de produtos agrícolas.
Foi por este motivo que Attilio Fontana fundou a Sadia em 1944. Noinício ele só possuía um moinho e um frigorífico inacabado, mas com o retorno de investimentos que ele colocou no moinho, o ajudou a completar a construção do frigorífico.
O que alavancou a empresa foi o fato da constante preocupação de criação de novos produtos, ela possui mais de 650 mil produtos industrializados e exportados que são distribuídos pelos 300.000 pontos de venda. Hoje a Sadia é umadas melhores empresas da América Latina e também é uma das principais empresas exportadoras do Brasil, exportando atualmente para mais de 100 Países.
Os anos foram se passando e com o avanço e o desenvolvimento que o Brasil sofria com relação à Industrialização, a Sadia ia aumentando cada vez mais a sua demanda no ramo alimentício, até que nos anos 60, ela começa a investir no meio daexportação, pela necessidade que nós humanos temos de “Venda e Troca”, pois nenhum país produz e/ou cria tudo o que ele necessita, nem o Brasil que é um país tão rico e de terras tão férteis.
O primeiro investimento no meio da exportação da Sadia foi com o Oriente Médio, mesmo com os problemas que o Brasil estava passando com as inflações, a empresa conseguiu com o passar de alguns anos aumentarem a suademanda abrindo vários depósitos na Região Sul e comércios em diferentes cantos do país, foi assim que a Sadia começou o seu processo de internacionalização.
O seu crescimento, os avanços tecnológicos, a ingressão na exportação, além de várias outras conquistas marcaram a história da Sadia nos anos 60.
A partir daí foi só crescer e se espalhar pelo mundo, e foi exatamente assim que aconteceu. Jáque a empresa estava com o seu mercado interno altamente intensivo, ela quis intensificar ainda mais a exportação para diversos países, para que assim sua marca ficasse conhecida em vários cantos do mundo, ou até mesmo no mundo todo.
Como já foi dito, o que alavancou a empresa foi o fato de que ela criava produtos de modo intensivo, e cada produto criado era uma explosão de sucesso para aempresa. Os produtos mais conhecidos até hoje são os seguintes: O frango abatido, A margarina Qualy, O peru temperado, que foi um dos maiores sucessos de venda interna e externa, hambúrgueres, almôndegas, empanado de frango e o presunto parma, são alguns dos produtos mais produzidos pela Sadia.
Apesar de a década de 80 ter sido considerada a “década perdida” de acordo com a economia das empresasbrasileiras, com altos índices de inflação e com três blocos econômicos fracassados, a Sadia ainda se destaca.
Nos anos 80 a Sadia aumenta sua produtividade e eficiência e também alcança um grande número de países importadores, como: A Arábia, Os EUA e grande parte da Europa.
No ano de 1989, a Sadia perde o seu fundador, um dos maiores empreendedores do século XX. Nessa década a empresa...
tracking img