Sad adsadasd

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 13 (3164 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 8 de outubro de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
Grandes projetos do capitalismo: Ferrovia Norte-Sul consolida a infraestrutura do agronegócio no estado do Tocantins

Aline Gonçalves Sêne RESUMO A implantação do sistema de transporte provoca grandes mudanças culturais, socioeconômicas e a própria (re) configuração do espaço. No Brasil os meios de transportes foram instalados para iniciar a integração do território nacional e mais tarde paraatender as demandas da exportação do café, uma infraestrutura para atender as elites do país na busca de dominar o espaço e realizar a integração econômica. Dentro dessa lógica temos a construção da Ferrovia Norte-Sul que tem como objetivo consolidar o crescimento através da ocupação social e econômica do cerrado e incentivar o agronegócio. A Ferrovia Norte-Sul trará uma nova reconfiguração doespaço do estado do Tocantins, pois mudará profundamente as atividades econômicas e o modo de produção no meio rural. É necessário avaliar como a expansão do agronegócio e a construção de “megaprojetos" geram pobreza, violência e degradação ao estado do Tocantins e o papel da Ferrovia Norte-Sul neste contexto. Palavras-chave: Ferrovia Norte-Sul. Agronegócio. Integração econômica. Planejamentocapitalista. INTRODUÇÃO
(…) os homens do mundo mais pobre esqueceram por algum tempo que pertenciam a um mundo explorado (…) Milton Santos

A Ferrovia Norte-Sul terá um papel de consolidar para o agronegócio no estado do Tocantins. Uma discussão de como o sistema de transporte brasileiro está interligado ao planejamento capitalista dos países ditos “desenvolvidos” em “subordinar o desenvolvimentoeconômico, social e política, e a própria configuração do espaço, dos países pobres”. Visualizamos que o desenvolvimento da matriz de transportes, com a necessidade atender as demandas das “elites políticas e econômicas”, buscavam a integração do território nacional com o objetivo de atender aos interesses do capital. E dentro deste contexto discutimos as consequências da implantação da FerroviaNorte-Sul e o planejamento capitalista, assim como, os propósitos desse grande projeto ferroviário para o estado do Tocantins.

Mas o principal objetivo deste trabalho não é explanar as desvantagens sociais da Ferrovia Norte-Sul, mas sim apresentar alguns elementos importantes à sociedade para um debate transparente do real interesse do Estado e das empresas que financiam a construção da ferrovia.Alertar que grandes projetos como a Ferrovia Norte-Sul, as hidrelétricas, os projetos agrícolas que geram violência no campo, trabalho escravo e desmatamento do Cerrado e Amazônia necessitam de serem, antes de implantados, discutidos com a sociedade. E uma discussão onde todos os aspectos, não apenas o econômico, sejam evidenciados.

O PLANEJAMENTO CAPITALISTA E A IMPLANTAÇÃO DA MATRIZ DE TRANSPORTEA revolução e evolução no sistema de transporte foram uns dos pilares para o as mudanças culturais, socioeconômicas e a própria (re) configuração do espaço. A construção de estradas e invenção de veículos – que iniciou com os cavalos, carroças e charretes e transformou-se em carros, trens, navios, aviões – permitiram, segundo Silveira (2009; 21), a expansão do comércio e de civilizações naMesopotâmia, Egito, Grécia, Roma, período Idade Antiga. O autor, citado acima, classifica que existiram cinco revoluções logísticas e cinco evoluções logísticas nos transportes e nas comunicações que trouxeram profundas mudanças à sociedade. Silveira acrescenta que o Brasil, apesar de não ter sido uma “liderança tecnológica e comercial global”, teve reflexos das revoluções e evoluções logísticas noBrasil. O autor cita que as “elites políticas e econômicas” do país buscando atender suas demandas, implantaram novos sistemas de comunicação como: “os transportes marítimo, ferroviário, hidroviário, rodoviário-automobolístico e aeroviário até se chegar aos modernos meios de

telecomunicações”. Essa tecnologia importada dos países ricos iniciou no Brasil a busca da integração do território...
tracking img