Síndrome de pirandello

A Síndrome de Pirandello é baseada no fato de que o individuo elabore uma realidade psíquica a partir dos conteúdos armazenados em sua mente. Muitas vezes o nosso nsubconsciente nos impulsiona emdireção a comportamentos indesejados, sentimentos negativos e até mesmo omissão de fatos, ainda que nem sempre de maneira intencional. As técnicas psicológicas contribuem para que esses fenômenosmentais, traduzidos pelo nosso corpo, sejam identificados a fim de ajudar a sociedade e descobrir verdades.
Sintomas psicofisiológicos são facilmente analisadas nos casos citados no texto em estudo e tambémem nossa vida cotidiana. Por exemplo, o corpo, o cérebro e a mente são componentes das funções mentais superiores que desenvolve imagens mentais e as transformam em realidade psíquica influenciadoracomportamento. Outro exemplo é a sensação e a percepção, são dois estímulos interligados que fazem com que as informações do mundo exterior e/ou o estado do organismo cheguem ao cérebro como imagemmental para que possa ser traduzido como estímulos sensoriais quando trazidos à consciência. É importante lembrar que os estímulos também possuem características e peculiaridades que são relevantes paraa psicologia jurídica, sendo eles; características das sensações ( limiar inferior, superior, excesso de informações, estado emocional, estresse e influencia de substancias psicoativas), fatores quealteram a percepção ( captura visual, característica de cada estimulo, experiências semelhantes, conhecimentos do individuo, crenças e valos, emoções e expectativas e a situação em que a percepçãoacontece), fenômenos da percepção (organização perceptiva de figura e fundo, ilusões perceptivas) e o conflito.
Como uma ‘’ teia de aranha’’ existem alguns fatores que estão interligados e que quandocompreendidos possibilita o entendimento mais aprofundado do comportamento humano. Pode-se citar a atenção, a memória, a linguagem, os pensamentos e emoções como o medo a paixão a raiva, a alegria e...