Ruidos

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1164 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 10 de novembro de 2014
Ler documento completo
Amostra do texto
Ruído
Ruído pode ser definido como uma sensação auditiva desagradável, ou como um fenômeno acústico não periódico pensando fisicamente.
Os ruídos podem ser classificados em 3 tipos:
Ruídos contínuos: são aqueles cuja variação de nível de intensidade sonora é muito pequena em função do tempo. São ruídos característicos de bombas de líquidos, motores elétricos, engrenagens, etc. Exemplos:chuva, geladeiras, compressores, ventiladores.
Ruídos flutuantes: são aqueles que apresentam grandes variações de nível em função do tempo. São geradores desse tipo de ruído os trabalhos manuais, afiação de ferramentas, soldagem, o trânsito de veículos, etc. São os ruídos mais comuns nos sons diários.
Ruídos impulsivos, ou de impacto: apresentam altos níveis de intensidade sonora, num intervalo detempo muito pequeno. São os ruídos provenientes de explosões e impactos. São ruídos característicos de rebitadeiras, impressoras automáticas, britadeiras, prensas, etc.
A Poluição Sonora hoje é tratada como uma contaminação atmosférica através da energia (mecânica ou acústica). Tem reflexos em todo o organismo e não apenas no aparelho auditivo. Ruídos intensos e permanentes podem causar váriosdistúrbios, alterando significativamente o humor e a capacidade de concentração nas ações humanas. Provoca interferências no metabolismo de todo o organismo com riscos de distúrbios cardiovasculares, inclusive tornando a perda auditiva, quando induzida pelo ruído, irreversível.
As Normas Regulamentadoras (NR) brasileiras indicam como prejudicial o ruído de 85 dBA (decibéis, medidos na escala A doaparelho medidor da pressão sonora - decibelímetro) para uma exposição máxima de 8 horas por dia de trabalho. Sabe-se que sons acima dos 65 dB podem contribuir para aumentar os casos de insônia, estresse, comportamento agressivo e irritabilidade, entre outros. Níveis superiores a 75 dB podem gerar problemas de surdez e provocar hipertensão arterial.

O Ministério do Trabalho dispõe de quatroNormas que, de alguma forma, tratam do problema do ruído e das vibrações:
NR6 - Equipamento de Proteção Individual - EPI;
NR7 - Prog. Controle Médico de Saúde Ocupacional - PCMSO;
NR15 - Atividades e Operações Insalubres;
NR17 - Ergonomia (item 17.5.2).

Erros de medição
Por maior cuidado que se tenha ao efetuar uma medição, mesmo que se utilizem equipamentos “topo de gama” emcondições ambientais bem controladas, os resultados que se obtém virão afetados por diversos erros.
Nada e nem ninguém é perfeito. Como tal os resultados das medições, dos ensaios e das análises também não podem ser perfeitos. Isto não é novidade para ninguém. Uma das principais tarefas de um experimentador é identificar as fontes de erro que podem afetar o processo de medição, e quantificar essas fontesde erro.
Essa “falta de perfeição” e designada, atualmente, por “incerteza”. A palavra “erro”. Que durante largos anos foi utilizada com esse mesmo significado está hoje em dia reservada para designar o afastamento entre o valor obtido numa medição e o correspondente valor verdadeiro, o qual é, em geral, desconhecido.
Erros na medição
Segundo a forma como os diversos tipos de erros influenciamas medições, tem sido prática habitual classifica-los em:
• Erros grosseiros – São grosseiros devidos à falta de atenção, pouco treino ou falta de perícia do operador. Por exemplo, uma troca de algarismos ao registrar um valor lido. São geralmente fáceis de detectar e eliminar.
• Erros sistemáticos – São sistemáticos os que afetam os resultados sempre no mesmo sentido. Exemplo: incorretoposicionamento do “zero” da escala, afetando todas as leituras feitas com esse instrumento. Devem ser compensados ou corrigidos convenientemente.
• Erros aleatórios – Associados à natural variabilidade dos processos físicos, levando a flutuações nos valores medidos. São imprevisíveis e devem ser abordados com métodos estatísticos.
É ainda possível falar-se em erros absolutos e em erros relativos,...
tracking img