Rito romano antigo e medieval

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 8 (1989 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 8 de junho de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
Arquidiocese da Paraíba
ESCOLA TEOLOGICA MINISTERIAL

Disciplina: Eucaristia
Assunto: Rito Romano Antigo e Medieval

Estudaremos a história da celebração da Eucaristia no rito Romano, que é o mais usual entre nós. Através dos fatos históricos, perceberemos as idéias que 'oram acompanhando a celebração da Missa no decorrer dos séculos.

1. Até o século XIII
Conhecemos os textos de SãoJustino e Santo Hipólito, que nos referem a celebração da Eucaristia em Roma e em língua grega nos séculos II e III.
A transição do grego para o latim foi-se realizando aos poucos nos séculos III e IV, na medida em que o latim deixava de ser apenas o dialeto do Lácio (região que cerca Roma) para tornar-se a língua geralmente falada pelas populações do Ocidente. Na falta de documentação precisa,pode-se afirmar que a Liturgia Romana trocou definitivamente o grego pelo latim no século IV. Nesta época foi-se formando o Cânon Romano (atual Oração Eucarística I), sem que possamos reconstituir exatamente as etapas dessa elaboração: as orações pelos vivos, pelos mortos e outras foram incorporadas definitivamente ao Cânon Romano nos séculos V e VI.

Examinemos alguns aspectos da história daMissa latina.
a) "Ao Pai pelo Filho no Espírito Santo..."
A oração clássica da Igreja baseia-se na fórmula paulina "Ao Pai pelo Filho no Espírito Santo..." (Ef 2,18), que exprime a função de cada Pessoa Divina na santificação dos homens: o Pai é o Alfa e o Ômega, o Princípio e o Fim; o Filho é Aquele que nos revela o Pai e, como Mediador, nos faz voltar ao Pai; o Espírito Santo é Aquele quecongrega os homens na Igreja e os vivifica no Corpo de Cristo. Até o século IV, ou até o surto do Arianismo, tal fórmula era estritamente observada na Liturgia. O Arianismo, porém, subordinava o Filho ao Pai como a primeira criatura; por isto os mestres e fiéis ortodoxos tiveram que acentuar a Divindade do Filho. Em conseqüência, no século IV surgem tendências a rezar diretamente ao Filho na Liturgia.Em 393, o Concílio de Hipona, ao qual fazem eco outros Concílios posteriores, dá-nos notícia de tal tendência, ao estabelecer a seguinte norma: "Que nas orações ninguém invoque o Pai em lugar do Filho, nem o Filho em lugar do Pai. E, quando nos encontramos diante do altar, seja a oração sempre dirigida ao Pai" (Cân. 21).
Mais tarde foram introduzidas na Liturgia Eucarística romana algumasorações dirigidas a Cristo, mas sempre como exceções. Ao contrário, nos hinos e nas preces comunitárias da Liturgia houve orações a Cristo desde os tempos dos Apóstolos (cf. At 7,55-56); esta forma simples e espontânea de oração se prolongou na piedade popular, que freqüentemente reza a Jesus.
A Liturgia sempre procurou exprimir a consciência de que Jesus é nosso Sumo Sacerdote, "sempre vivo parainterceder por nós" (Hb 7,25), como incutem os escritos do Novo Testamento, sem negar a Divindade do Filho feito homem. As fórmulas litúrgicas mencionam sempre os atributos extremos de Jesus: "Por nosso Senhor Jesus Cristo vosso Filho", Aquele que é "nosso Senhor" porque nos remiu com o seu sangue, é "vosso Filho" porque nasceu do Pai antes de todos os séculos.

b) O altar
O elemento principal daarquitetura de uma igreja é o altar, sobre o qual se perpetua o sacrifício de Cristo.
Nas igrejas mais antigas, o altar tinha a simples forma de mesa (a mesa da Ceia do Senhor). Podia ser móvel e era colocado de frente para os fiéis, entre o fundo da igreja, onde ficava a cátedra do Bispo, e a grande nave dos fiéis. Assim a Eucaristia era celebrada de tal modo que a assembléia podia acompanhar orito e responder ao celebrante.
Nos séculos VII e VIII começa o altar a ser colocado no fundo da igreja. Desta maneira exprimia-se o conceito de que a Eucaristia é "tremendo mistério", que somente o sacerdote pode conhecer e acompanhar. A cátedra do Bispo, que ficava no fundo da Igreja, passou para o lado esquerdo do altar. Foi nesse período que o sacerdote passou a celebrar de costas para os...
tracking img