Rgrgr

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 7 (1733 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 13 de março de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
Teoria das Necessidades Humanas Básicas
1. Necessidade Humana Básica
São estados de tensões, conscientes ou inconscientes, resultantes dos desequilíbrios homeodinâmicos dos fenômenos vitais. Em estado de equilíbrio dinâmico, as necessidades não se manifestam. As necessidades são universais, portanto comum a todos os seres humanos, o que varia de um individuo para outro é a sua manifestação e amaneira de satisfaze-la ou atende-la.
Podem ocorrer alterações durante a assistência de enfermagem nas necessidades humanas básicas, portanto a mesma é considerada ente concreto da ciência de enfermagem.
Maslow baseia sua teoria sobre a motivação humana nas necessidades humanas, estas foram por hierarquizadas em cinco níveis.
* Necessidades Fisiológicas
* Necessidades de Segurança
*Necessidades de Amor
* Necessidades de Estima
* Necessidades de Auto-realização
* Porém na enfermagem prefere-se utilizar a denominação de João Mohana sendo:
* Necessidades Psicobiológicas
* Necessidades Psicossociais
* Necessidades Psicoespirituais
Necessidades Psicobiológicas | Necessidades Psicossociais |
Oxigenação | Segurança |
Hidratação / Nutrição | Amor |Eliminação | Liberdade |
Sono e Repouso | Comunicação |
Exercício e atividades físicas | Criatividade |
Sexualidade | Aprendizagem (educação a saúde). |
Abrigo | Recreação |
Mecânica Corporal | Lazer |
Motilidade | Espaço |
Cuidado Corporal | Orientação no tempo e espaço |
Integridade cutâneo-mucosa | Aceitação |
Integridade Física | Auto-realização |
Regulação: térmica,hormonal, neurológica, hidrossalina, eletrolítica, imunológica, crescimento celular, vascular | Auto-estima |
Locomoção | Participação |
Percepção: olfativa, visual, auditiva, tátil, gustativa, dolorosa | Auto-imagem |
Ambiente | Atenção |
Terapêutica | Necessidades Psicoespirituais: religiosa ou teológica / ética ou de filosofia de vida |
Todas essas necessidades estão intimamenteinter-relacionadas, uma vez faz parte de todo o ser humano, todas sofrem alterações em maior ou menor intensidade quando qualquer uma se manifesta, seja por desequilíbrio causado por falta ou excesso de atendimento.
2. Processo de Enfermagem
É a dinâmica que estuda os movimentos do corpo, das ações sistematizadas e inter-relacionadas, visando à assistência ao ser humano. Caracteriza-se pelointer-relacionamento e dinamismo de suas fases ou passos.
Histórico de Enfermagem: roteiro sistematizado para o levantamento de dados (significativo para a (o) enfermeira (o) do ser humano que torna possível a identificação de seus problemas).
Estes dados, convenientemente analisados e avaliados, levam ao segundo passo.
Diagnóstico de Enfermagem: a identificação das necessidades do ser humano que precisa deatendimento e a determinação pela enfermeira do grau de dependência deste atendimento em natureza e em extensão. O diagnóstico analisado e avaliado levará ao terceiro passo.
Plano Assistencial: a determinação global da assistência da enfermagem que o ser humano deve receber diante do diagnóstico estabelecido. Este plano assistencial é sistematizado em termos de assistir em enfermagem, isto é,encaminhamentos, supervisão (observação e controle), orientação, ajuda e execução de cuidados (fazer). Determinando o plano assistencial vem o quarto passo.
Plano de Cuidados ou Prescrição de Enfermagem: implantação do plano assistencial pelo roteiro diário (ou período aprazado) que coordena a ação da equipe de enfermagem na execução dos cuidados adequados ao atendimento das necessidades básicas eespecificas do ser humano. O plano de cuidados é avaliado sempre, fornecendo os dados necessários para o quinto passo.
Evolução de Enfermagem: relato diário (ou aprazado) das mudanças sucessivas que ocorrem no ser humano, enquanto estiver sob assistência profissional. Pela evolução é possível avaliar a resposta do ser humano à assistência implementada.
Prognóstico de Enfermagem: estimativa da...
tracking img