Reusmo sobre estresse

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 7 (1725 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 10 de março de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
O que é estresse?
É um mecanismo utilizado pelas pessoas para se adaptarem as exigências do meio externo, ou para responderem a metas que elas próprias se fixam.
Tipos de estresse:
 O eu-estresse é equivalente aos desafios da vida e do trabalho. Ou seja, é positivo, sadio e geralmente maximiza a performance e o desempenho das pessoas e leva a resultados construtivos.
 A exposição excessivaé negativa, não-saudável e sem controle ao estresse, geralmente, levando a resultados ou conseqüências destrutivas.
 A diferença entre o estresse sadio e o negativo é a intensidade, a freqüência e a duração da exposição e, particularmente, a falta de controle sobre a situação estressante.
Abordagens
 O estresse como estímulo, é variável independente, considerado como fator iniciador de umprocesso no organismo;
 Na abordagem como resposta, é variável dependente, ou seja, é visto como conseqüência.
Segundo Lazarus (1995), o estresse acontece quando o trabalhador avalia as exigências laborais e as condições organizacionais superam as suas capacidades.
O estresse, portanto, é resultante da relação entre as exigências do trabalho e o conjunto de habilidades disponíveis no repertóriodo trabalhador para enfrentá-las.
Estressadores organizacionais segundo Cartwright e Cooper (1997):
 Fatores intrínsecos ao trabalho – barulho, iluminação, temperatura, número de horas de trabalho;
 Papéis organizacionais que podem apresentar disfunções - ambigüidade, conflito, sobrecarga e excesso de responsabilidade;
 As relações de trabalho – relações com colegas, gerentes e comsubordinados;
 O desenvolvimento da carreira – insegurança no trabalho, precariedade do contrato, risco de desemprego, promoções e reconhecimento de mérito;
 Fatores organizacionais – clima organizacional, estilo de liderança, estrutura organizacional e nível de participação dos empregados nas tomadas de decisões;
 A interação trabalho-família – diminuição progressiva da fronteira entre o trabalho ea família.
A ênfase na reação das pessoas apresenta três respostas possíveis aos estressadores:
 reações fisiológicas;
 psicológicas;
 comportamentais.
Esta abordagem tem levado ao questionamento sobre o papel das emoções no trabalho.
Vale ressaltar que muitas das reações aos estressadores organizacionais são de caráter emotivo: raiva, frustração, nervosismo, ansiedade, irritação.Postulados básicos:
 O desajuste existente entre o ambiente de trabalho e as características da pessoa são a fonte principal do estresse;
 As incongruências ambiente-pessoa são essencialmente de natureza subjetiva;
 A gênese das reações de estresse envolve a interação entre o ambiente de trabalho, o indivíduo e fatores externos ao trabalho;
 A discrepância ambiente-pessoa e a conseqüentedeteriorizaçao do bem-estar pessoal provocam no indivíduo uma reação de enfrentamento visando a reduzir as divergências e a recuperar o bem-estar.
O foco no processo tem contribuído para a compreensão do estresse, particularmente no que diz respeito à sua dinâmica e às suas formas de enfrentamento.
Determinantes do estresse
Beeher e Newman (1978) apresentam quatro categorias de estressadores:
1.Exigências e expectativas do papel (ambigüidade, conflito, sobrecarga);
2. Exigências do trabalho e características das tarefas (responsabilidade, concentração, viagens);
3. Fatores organizacionais (clima, liderança, estrutura, sistema de comunicação);
4. Fatores extra-organizacionais (condições de deslocamento para o trabalho, exigências do consumidor, desenvolvimento tecnológico e científico).Segundo Kahn e Byosiere (1992), os antecedentes do estresse podem ser classificado em:
1. Organizacionais, por exemplo, tamanho da organização, características do papel e da tarefa, bem como o deslocamento cotidiano para o trabalho;
2. Estressadores na vida organizacional, isto é, estímulos gerados na vida organizacional, que provocam conseqüências negativas nas pessoas a eles expostas;
3....
tracking img