Resumo

O Filme “Wall Street: O dinheiro nunca dorme”, é muito Interessante. Relata os bastidores do mercado de capitais, dá uma idéia sobre o funcionamento da bolsa de valores e um pouco de ficção. O filme é baseado na premissa, que podemos constatar logo na cena inicial, onde Gordon Gekko ganha a liberdade depois de cumprir oito anos de prisão por fraude, lavagem de dinheiro e extorsão. Gekko recebealguns de seus pertences, entre eles um celular antigo que mais parece um tijolo. Isso mostra claramente que o mundo mudou enquanto ele estava na cadeia. Veio a globalização, mas tudo continua girando em torno do dinheiro.
Gekko encontra o mundo a beira da grande crise econômica que ocorreu em 2008, a “crise dos subprimes”, que obrigou o governo dos Estados Unidos a injetar centenas de bilhõesde dólares nos bancos para evitar uma crise igual como foi a grande crise de 1929. Antes, ele ganha vida dando palestras em universidades e em uma destas palestras Gekko ele alerta para o grande Tsunami financeiro que está por vir, mas poucos dão atenção a ele. Ele cita a ganância como principal fator que estava fazendo o mercado de títulos hipotecários de imóveis dispararem e as consequênciasque isso traria para os EUA.
Avançando no tempo, mais precisamente em 2008, somos apresentados a Jake Moore (Shia Labeouf), jovem estereótipo de Wall Street que, apesar de sua vontade de fazer fortuna, é um idealista dos investimentos em energia limpa e sustentável, atitude que talvez seja o único motivo plausível do envolvimento com Winnie (Carey Mulligan), filha de Gekko, que despreza o pai etudo que o rodeia. Ela, também uma idealista, trabalha fortemente com seu site ativista, divulgando verdades inconvenientes mundo afora.
Jake trabalha apostando em mercados financeiros na renomada Keller Zabel, que aparentemente passa por uma crise. Como o mercado não aposta em investimentos ”aparentemente” confiáveis, o preço das ações da empresa despenca e Lois Zabel (Frank Langella), quecomanda toda a bagunça, se reúne com o Banco Central Americano para tentar manter-se em pé. Dentro de um meio movido por interesses e rinchas antigas, Zabel é praticamente apunhalado na reunião, tendo sua empresa comprada por seu inimigo Bretton James (Josh Brolin), do banco de investimentos Churcill Schwartz, a preço de banana.
Gekko sabe tudo que se passa por trás da economia, entre problemas efalcatruas, apunhaladas e chantagens, e Jake, como pupilo de Zabel, quer ir a fundo no assunto e descobrir o que aconteceu realmente. Ele então se aproxima do sogro em busca de “consultoria” e em troca promete tentar aproximar Gekko de sua filha. Uma troca “aparentemente” segura.
Entre muitas informações que estouram como “bolhas”, “Wall Street: O Dinheiro Nunca Dorme” é um bom filme que usa comopano de fundo toda a agressividade velada de Wall Street.
Para podermos estabelecer uma relação entre o Filme “Wall Street: O dinheiro nunca dorme”, com as teorias de valor e acumulo de capital pela visão marginalista, temos que primeiro falar um pouco sobre a Ciência Econômica e sobre essas teorias.
A economia é uma ciência social que segundo Singer, difere das demais ciências sociais, poispossui nela há uma possibilidade de quantificação que as demais não têm. As outras ciências possuem quase sempre um ângulo de visão qualitativo. Um ponto muito importante dentro da economia é o valor. E existem duas maneiras completamente diferentes de se definir esse termo. Uma delas é o valor-utilidade que parte da relação entre uma necessidade humana e o serviço ou objeto que a satisfaça.
Ateoria do valor-utilidade parte de um comportamento subjetivo. Por outro lado, a teoria do valor-trabalho parte da idéia de que a atividade econômica é essencialmente coletiva. Ou seja, ela não interessa no estudo da ciência econômica, enquanto atividade individual.
Já a teoria na visão Marginalista, diz que a acumulação de capital depende de dois fatores: a perspectiva de rendimento de um novo...
tracking img