Resumo o monge e o executivo

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 9 (2168 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 6 de outubro de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
INSTITUTO FEDERAL DE CIÊNCIA, EDUCAÇÃO E TECNOLOGIA DE ALAGOAS
IFAL

RESUMO
O MONGE E O EXECUTIVO

MACEIÓ / AL
Prólogo

John era gerente-geral de uma grande indústria e decidiu ir para um mosteiro na tentativa de melhorar sua vida buscando silêncio e reflexão.
Quando criança, ao ser batizado, constava em sua certidão de batismo o versículo da Bíblia do segundo capítulo, de Lucas,“Simeão foi um homem muito correto e devoto, possuído pelo Espírito Santo”. Ao ser crismado, o mesmo verso foi lido, havendo uma “coincidência bem estranha”.
A partir daí e durante 25 anos de sua vida John tivera sonhos em que Simeão era relacionado. Até em seu casamento foi citado o mesmo versículo da Bíblia, deixando John cada vez mais confuso em relação ao nome Simeão e todas essa coincidências.Sua vida no trabalho melhorava ao passar dos anos e ele conseguiu promoções atingindo metas. Casado há 18 anos com Rachel, psicóloga, que sofria de infertilidade, adotaram John Jr. quando ainda recém-nascido,e dois anos após Rachel engravidou de Sara como um milagre. Ao adotar John Jr., Rachel diminuiu seu trabalho para se dedicar aos filhos e John continuou com sua longa jornada de trabalhodiária, não sobrando tempo para conversar com seus filhos e esposa, nem para sua própria diversão, isso fez com que ele se tornasse infeliz devido as mudanças que tudo isto proporcionou. Daí, sua esposa Rachel o sugeriu que conversasse com o pastor da igreja deles, onde ele o recomendou que participasse de um retiro no mosteiro, em que Len Hoffman, ex-executivo de uma das maiores empresas dos EstadosUnidos, era um dos frades.
John decidiu ir ao mosteiro em busca de organizar sua vida e ouvir conselhos de Len, e lá chegando encontrou o padre Peter, quem explicou a organização do mosteiro e as atividades a serem cumpridas, mas John estava interessado em saber sobre Len Hoffman, e o padre Peter lhe falou que o reitor do mosteiro deu a Len o nome de irmão Simeão. A partir daí, John lembrou-se detodas as coincidências que acontecera quando criança e em seus sonhos, então começou a se perguntar que coincidências seriam essas.

As Definições

Len Hoffman era um ex-executivo cuja fama era de que conseguira tirar as empresas do fundo do poço, e isso chamou a atenção de John que gostaria de saber suas técnicas de liderança. Era um homem com o semblante velho mas com uma espiritualidade ealegria de viver aparentes.
Ao conhecer Len, irmão Simeão, e perceber todas essas características, John deixou sua arrogância de lado em busca de obter alguns conselhos de Simeão sobre liderança. Simeão compartilhou os princípios de liderança que mudaram sua vida com seis pessoas que eram líderes em algum setor, inclusive John, ele os explicou que para ter sucesso nos negócios é necessário saberouvir, falar, ter habilidade de liderança, influência sobre as pessoas, que para ter influência é necessário diferenciar os conceitos de poder e autoridade, onde o poder corrói os relacionamentos e a autoridade faz com que as pessoas executem as tarefas de bom grado. Os Mostrou também que para ser líder é necessário uma série de qualidades como Honestidade, bom exemplo, cuidado, compromisso,atitude positiva, gostar das pessoas, relacionar-se bem, etc. Sendo assim, o comportamento, uma escolha pessoal. Fazendo-se necessário construir relacionamentos saudáveis para que a tarefa seja bem executada, devendo haver um tratamento digno e respeitoso, tanto com o cliente como com o empregado, e ter confiança para que não haja problemas de relacionamentos que levam ao fracasso da empresa ou doempreendimento.

O velho paradigma

No Segundo dia, John acordou-se antes das cinco da manhã para conversar um pouco com Simeão sobre as coincidências que acontecera com esse nome, e ele, atento à sua história, aproveitou para abrir seus olhos sobre o fato de John não ser um bom ouvinte, o que frustrava seus filhos e mulher, e que era preciso dar importância à fala do outro, pois assim é...
tracking img