Resumo regras do metodo sociologico

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 12 (2877 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 15 de março de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
REGRAS DO MÉTODO SOCIOLÓGICO
O objetivo de toda ciencia é descobrir, e toda descoberta desconcerta mais ou menos opinioes formadas.
Os fatos sociais devem ser tratados como coisas, esta assimilacao que fazemos, das realidades do mundo social as realidades do mundo exterior, foi interpretada como paradoxal e escandalosa. Mas nao afirmamos que fatos sociais sejam coisas materiais, e sim qconstituem coisas tais como as coisas materiais, mas de maneiras diferentes. A coisa se opoe a ideia como se opoe entre si tudo o que conhecemos a partir do exterior e tudo oq conhecemos a partir do interior. Eh todo o objeto do conhecimento q a inteligencia n penetra d maneira natural, td aquilo d q nao podemos formular uma nocao adequadapor simples processo de analise mental, td q o espirito n podechegar a compreender senao sob condicao de sair de si mesmo, por meio da observacao e da experimentacao, passando progressivamente dos caracteres mais exteriores e mais imediatamente acessiveis para os menos visiveis e mais profundos.
A conciencia soh permite conhecer os fatos ate certo ponto, mas apenas como conhecemos as sensacoes produzidas por calor, luz, som eletrcidade. Sao impressoesconfusas, passageiras e subjetivas, e nao nocoes claras e conceitos explicativos.
Herdamos ja feitas pelas geracoes anteriores a maior parte das intituicoes sociais, como nao participamos de sua formacao, eh nos questionando q poderemos descobrir as causas q as fizeram nascer. Penetrar no mundo social significa penetrar no desconhecido; eh preciso q se mantenha pronto pra fzr descobertas q hao denos surpreender e desconcertar.
Os fatos sociais sao tbm de certa meneira pqsiquicos pq eles consistem em maneiras de pensar e agir. Mas oq as representacoes coletivas traduzem eh a maneira pelo qual o grupo se enxerga a si mesmo nas relacoes com os objetos que os afetam.
Se a sociedade condena certos modos de comportamento, eh pq estes ferem alguns de seus sentimentos fundamentais, e taissentimentos estao presos a sua instituicao, como se prendem os do individuo ao seu temperamento fisico e a sua organizacao mental.
Fatos: empregam-na correntemente para designar qse tds os fenomenos q se passam no interior da socioedade, por pouco q apresentem, alem de certa generalidade, algum interesse social.
Estamos diante de maneiras de agir, pensar, e de sentir q apresentam a propriedademarcante de existir for a das conciencias sociais. Eh um poder imperativo e coercitivo, em virtude do qual se lhe impoe, qr queira, qr nao.
Se exoerimento violar as leis do direito, estas reagem contra mim de maneira a impedir meu ato se ainda eh tempo. se sou insustrial, nada me proibe de utilizar as tecnicas do passado, mas a ruina seria inevitavel.
Fatos apresentam caracteres especiais:consistem em maneiras de agir, de pensar, e de sentir exteriores ao individuo , dotadas de um poder de coeçao em virtude do qual se lhe impoe. Nao poderiam se confundir com os fenomenos organicos, pois consistem em representacoes e em acoes; nem com os fenomenos psiquicos, q nao existem senao na consciencia individual e por meio dela. A palavra social tem o sentido de designar unicamente fenomenos qnao se englobam em nenhuma das categorias de fatos ja existentes, constituidas e nomeadas.
Correntes sociais?
A pressao de tds os instantes q sofre a crianca eh a propria pressao do meio social tendendo a molda-la a sua impagem, pressao de q tanto os pais qnto os mestres nao sao senao representantes e intermediarios. Assim, nao pode a generalidade servir para caracterizar os fenomenos. Crenças,tendencias, praticas do grupo tomadas coletivamente eh q constituem os fatos sociais. O fato social eh distinto de suas repercussoes individuais. Para observar o fato social no estado de pureza esxistem certas correntes d opiniao q nos impelem com intensidade desigual, Segundo epocas e paises, casamento, suicidio, natalidade, etc.
O sentimento coletivo nao exprime oq ha d comum nos sentimentos...
tracking img