Resumo planejamento estratégico

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 15 (3612 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 23 de maio de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
UNIVERSIDADE FEDERAL DE SÃO PAULO (UNIFESP)
CIÊNCIAS CONTÁBEIS - NOTURNO

Aline Mendes
Bruno Martinelli
Paola Machado
Jônatas Mesquita

Planejamento

SÃO PAULO, 2011
ALINE MENDES
BRUNO MARTINELLI
PAOLA MACHADO
JÔNATAS MESQUITA

PLANEJAMENTO

Seminário apresentado em aula
Prof. Ricardo Bueno

SÃO PAULO, 2011SUMÁRIO

1 INTRODUÇÃO 03

2 NÍVEIS DE PLANEJAMENTO 00

3 GESTÃO ESTRATÉGICA DE RESULTADOS (GER) 00
3.1 Área I – Suibárea I
3.2 Área I – Subárea II
3.3 Área II – Subárea I
3.4 Área II – Subárea II
2 METODOLOGIA 00

3 CRONOGRAMA 00

4 SUPRIMENTOS DE PESQUISA 00

REFERÊNCIAS 00

1 INTRODUÇÃO

O planejamento implica avaliar o futuro e preparar-se para ele, ou mesmocriá-lo. Diz respeito ao futuro impacto das decisões que são tomadas hoje. Está classificado em três níveis: estratégico, tático e operacional (Fig.01). O planejamento é o ponto de partida para qualquer ação de parte da gerência voltada para resultados.

O planejamento é feito para que se atinjam os objetivos da organização, sendo dividindo em três importantes funções: organização e liderança, sãoexecutadas para a implementação dos planos, e o controle, para verificar se o planejamento foi executado (Fig. 02).

1 NÍVEIS DE PLANEJAMENTO

O planejamento ocorre em três níveis: o Nível Superior (de cúpula), onde a gerência se preocupa com o planejamento estratégico – alocando um volume maior de recursos e uma visão temporal mais adiante; os níveis Intermediário e Operacional –voltados para a implementação do planejamento estratégico, alcançando o nível mais eficiente e eficaz no uso de recursos.
De acordo com a figura (Fig. 03), analisa-se que os problemas enfrentados pela gerência superior são mais complexos, com grau de incerteza elevado, peculiares, únicos e desestruturados, cobrindo um período mais longo, entretanto, não significa que a gerência superior nãoenfrente problemas de rotina, estruturados ou de curto prazo.

Administradores de nível superior (executivos) atuam com os problemas de relacionamento da empresa e os problemas interdepartamentais, ou seja, preocupam-se com quem ganha o quê, além de trabalharem com um alto nível de incerteza, enfrentar situações inusitadas e de tempos prolongados (três ou mais anos). A gerência intermediáriaplaneja para os próximos meses ou até dois anos, já os gerentes de operação planejam para as próximas semanas ou até um ano.
Gerentes intermediários e de operação trabalham de acordo com as políticas e estratégias criadas pela gerência superior, com a preocupação de implementar essas políticas e estratégias e os objetivos delas derivados. Não estão voltados para quem deve ser feito, mas para quemdeve fazer, onde, quando e como. Tudo isso trata-se de um sistema encadeado que, quando funcionando bem, permite que a organização cumpra seus objetivos.
Apesar do planejamento parecer um sistema linear, onde A leva a B, B leva a C e assim em diante, está mais relacionado a Teoria do Caos, que implica em uma série de eventos interconectados, que ocorrem um após o outro, onde um evento pode mudaro outro de maneira devastadora.
Como exemplo, temos o Planejamento Estratégico, que se compara a um “quebra-cabeça” grande e muito complexo, pois para montar o quebra-cabeça é necessário organização das peças, análise da figura e estratégia para o desenvolvimento do mesmo, não basta apenas pegar peças aleatórias e tentar colocá-las juntas.

3. GESTÃO ESTRATÉGICA DE RESULTADOS (GER)Para um melhor entendimento de Planejamento será analisado o modelo de Gestão Estratégica, que abrange os conceitos de planejamento estratégico, planejamento tático, implementação e controle, tendo como características: logicidade, racionalidade, sequência e integração.

Gestão Estratégica de Resultados (GRE) = Planejamento + Implementação + Controle

Como primeiro passo há uma...
tracking img