Resumo informativo do livro como trabalhar para um idiota e análises de artigos científicos

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 7 (1658 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 20 de agosto de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
CURSO DE PÓS GRADUAÇÃO EM GESTÃO EMPRESARIAL

CANDICE MAGALHAES SANTANA

RESUMO INFORMATIVO DO LIVRO COMO TRABALHAR PARA UM IDIOTA E ANÁLISES DE ARTIGOS CIENTÍFICOS

CRUZ DAS ALMAS
MAIO DE 2012

CANDICE MAGALHAES SANTANA

RESUMO INFORMATIVO DO LIVRO COMO TRABALHAR PARA UM IDIOTA E ANÁLISES DE ARTIGOS CIENTÍFICOS

Trabalho apresentado à disciplina metodologia da Pesquisa Científica,ministrada pelo Professora Josemare Pereira dos S. Pinheiro, como avaliação final da disciplina.

CRUZ DAS ALMAS
MAIO DE 2012
HOOVER, John. Como trabalhar para um idiota – Aprenda a evitar conflitos com seu chefe – Editora Futura, 2005.
 Neste livro, objetiva-se alertar o funcionário e ajudá-lo a combater o mal que um chefe idiota pode acarretar. Para tanto, o autor se vale de suaexperiência como um chefe idiota em recuperação, consultor em tempo integral e estudioso de administração de empresas e relações humanas. Ele anuncia que, como uma praga, os chefes idiotas estão espalhados por todos os cantos e que possivelmente, todo profissional já esbarrou com tal figura na sua carreira. A obra sugere que qualquer que seja o chefe, são as ações do empregado que determinarão o sucesso oufracasso na convivência de ambos. A chave para sobreviver e prosperar sem se estressar com o chefe é assumir o controle sobre a única coisa que se pode controlar: a resposta emocional do funcionário às coisas que outras pessoas dizem ou fazem. O autor lembra que, muitas vezes, as atitudes que incomodam o empregado em outras pessoas são aquelas que os mesmos possuem. Portanto, antes de criticar ochefe, deve-se ter certeza de que os modos irritantes dele não são um reflexo dos modos do funcionário. O autor elaborou um pequeno teste no início do livro para ajudar o leitor a descobrir se pertence ou não à classe dos idiotas. O autor cita várias espécies distintas e que requerem cuidados e habilidades específicas por parte do funcionário. Chefes maquiavélicos: espertos, inescrupulosos,implacáveis. Essa categoria de superior não admite que ninguém ouse entrar em seu caminho. Se isso acontecer, melhor estar preparado para o troco. Para não criar caso com esse tipo de chefe, deve-se estar em sintonia com aquilo que ele deseja. Mais do que evitar competição, é necessário utilizar uma linguagem e um comportamento de forma a indicar que não se quer competir com o chefe e que entende eaceita seu direito de estar no topo. Chefes masoquistas: auto-críticos, depressivos, contagiantes (no mau sentido). Hoover afirma ser fácil identificar esse tipo de profissional. Faz questão de não terminar os trabalhos e prefere liderar o departamento rumo ao fracasso. Chefes sádicos: extremamente críticos, perseguidores, cruéis. Não se deve enfrentá-lo, ele o combaterá; não se deve mudar dedepartamento, ele o perseguirá; não se deve demonstrar prazer no trabalho, ele irá incumbir o funcionário de cada vez mais tarefas. O mais temível de todos os chefes, o sádico é aquela pessoa que, por ter sofrido muito anteriormente, passa a ter prazer em proporcionar o sofrimento alheio. Por isso, uma das técnicas para lidar com esse tipo é demonstrar descontentamento com a carreira. Isso nãosignifica que o empregado não possa ser animado e positivo quando estiver fora da órbita do sádico. Ser positivo e animado vai aumentar a possibilidade de alguém recrutá-lo e levá-lo para longe do chefe sádico. Chefes paranóicos: acham que todos estão contra eles, falta de foco na realidade, ansiosos e inseguros. O empregado deve ser mais do que eficiente. O chefe paranóico adora inventar possíveisconspirações contra ele e, mantendo-o constantemente atarefado, impede-se que ele faça mal ao funcionário. Outra dica do autor é deixá-lo sempre a par dos acontecimentos e do cotidiano. Isso vai reduzir seu nível de ansiedade; ele sabe que a informação compartilhada com uma população maior reduz a probabilidade de uma conspiração em massa. Chefes deuses: egocêntricos, pouca noção da realidade,...
tracking img