Resumo fisio

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 22 (5391 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 24 de abril de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
Tutorial 5 – Sopro cardíaco

Bibliografia:
1- Embriologia e teratologia humanas, O’Rahilly e Müller, 3ª edição, 2005;
2- Anatomia orientada para a clínica, Keith Moore, 4ª edição, Guanabara Koogan;
3- Fisiologia, Linda Constanzo, 3ª edição;
Fisiologia, Berne e Levy, 5ª edição, 2004;
4- Semiologia médica, Porto, 6ª edição, 2009;
5- Semiologia médica, Porto, 6ª edição, 2009;Objetivo 1 - Descrever a embriologia do sistema cardiovascular:


O sistema cardiovascular deriva principalmente das seguintes estruturas: mesoderma esplâncnico, mesoderma paraxial e lateral e células da crista neural. O surgimento do coração começa com a formação de um par de canais endoteliais, os cordões angioblásticos. Esses cordões se canalizam, formando os tubos endocárdicos docoração, que se fundem formando o coração tubular. O endoderma parece induzir na formação inicial do coração.
Há três veias que drenam para o coração: veias vitelinas (pobres em O2), veias umbilicais (trazem sangue bem oxigenado) e veias cardinais (trazem sangue pouco oxigenado do corpo do embrião).
As veias vitelinas drenam do saco vitelino para o seio venoso. Forma a veia porta hepática.Com o desenvolvimento do fígado, as veias umbilicais perdem a ligação direta com o coração e chegam ao fígado. A transformação é a seguinte:
1) A veia umbilical direita e a parte caudada da veia umbilical esquerda, entre o fígado e o seio venoso degeneram;
2) A parte caudal do restante da veia umbilical esquerda se torna a veia umbilical;
3) Um ducto venoso se forma dentro do fígado e une aveia umbilical com a veia cava inferior. Isso faz com que a passagem pelo fígado seja rápida, sem passar pelos capilares.
As veias cardinais anterior e posterior drenam a região cefálica e caudal do embrião respectivamente. Elas se juntam para formar a veia cardinal comum, que cai no seio venoso. As veias cardinais anterior se anastomosam e, posteriormente, formarão a veia braquiocefálica. Aveia cava superior se forma da veia cardinal anterior direita e da veia cardinal comum direita.


- Aorta: Quando os arcos faríngeos se formam durante a quarta e a quinta semanas, são supridos por artérias, os arcos aórticos, que surgem do saco aórtico e terminam na aorta dorsal. Inicialmente, as aortas dorsais pares percorrem todo o comprimento do embrião, mas logo se fundem formando aaorta dorsal, única, imediatamente caudal aos arcos faríngeos. As artérias vitelinas vão para o saco vitelino e, mais tarde, para o intestino primitivo, que se forma da parte incorporada do saco vitelino. Três artérias primitivas permanecem como: artéria celíaca para o intestino anterior, a artéria mesentérica superior e a artéria mesentérica inferior.


- Desenvolvimento pré-natal final docoração: O primórdio do coração torna-se primeiro evidente aos 18 dias e começa a pulsar aos 22 ou 23 dias. Na área cardiogênica, células mesenquimais esplâncnicas ventrais ao celoma pericárdico se agregam e se dispõem de ambos os lados, formando dois primórdios cardíacos celulares longitudinais, os cordões angioblásticos. Esses cordões se canalizam, formando dois tubos cardíacos endocárdicos deparedes delgadas. Quando ocorre o dobramento lateral do embrião, os tubos endocárdicos se aproximam um do outro e se fundem formando um único tubo endocárdico. A fusão dos tubos endocárdicos começa na extremidade cefálica do coração em desenvolvimento e estende-se caudalmente. Com a fusão do tubo cardíaco, uma camada externa do coração embrionário forma-se – o miocárdio primitivo -, que é separadodo tubo endotelial por tecido conjuntivo – a geleia cardíaca. O coração tubular se alonga e forma dilatações e constrições alternadas: tronco arterioso, bulbo cardíaco, ventrículo, átrio e seio venoso. O tronco arterioso tubular é contínuo, cefalicamente, com o saco aórtico, do qual surgem os arcos aórticos. O seio venoso recebe as veias umbilical, vitelinas e cardinais comuns originárias do...
tracking img