Resumo escolar

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 7 (1596 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 13 de abril de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
UNIVERSIDADE ESTADUAL DO CEARÁ FACULDADE DE FILOSOFIA DOM AURELIANO MATOS (FAFIDAM) CURSO DE HISTÓRIA DISCIPLINA: EDUCAÇÃO PATRIMONIAL PROF.:GUSTAVO LÔBO
Educação Patrimonial-1 trabalho resumo do texto

O QUE É EDUCAÇÃO PATRIMONIAL
Maria de LourdesParreiras Horta 1
A proposta de uma metodologia para o desenvolvimento de ações educacionais voltadas para o uso e a apropriação dos bens culturais que compõem o nosso “patrimônio cultural” foi introduzida no Brasil, em termos conceituais e práticos, por ocasião do 1o. Seminário sobre o “Uso Educacional de Museus e Monumentos”, realizado em julho de 1983, no Museu Imperial, em Petrópolis,RJ. A partir dessa proposta inicial, inúmeras experiências e atividades vêm sendo realizadas, em diferentes contextos e locais do país, que vieram demonstrar resultados surpreendentes na recuperação da memória coletiva, no resgate da auto-estima de comunidades em processo de desestruturação, no desenvolvimento local e no encontro de soluções inovadoras de preservação do patrimônio cultural, emáreas sob o impacto de mudanças e transformações radicais em seu meio ambiente.

O desenvolvimento de programas de Educação Patrimonial, envolvendo não só a rede escolar, mas também as organizações da comunidade local, as famílias, as empresas e, principalmente, as autoridades responsáveis, contribuiu para a ampliação de uma nova visão do Patrimônio Cultural Brasileiro em sua diversidade demanifestações, tangíveis e intangíveis, materiais e imateriais, como fonte primária de conhecimento e aprendizado, a ser utilizada e explorada na educação de crianças e adultos, inserida nos currículos e disciplinas do sistema formal de ensino, ou ainda como instrumento de motivação, individual e coletiva, para a prática da cidadania e o estabelecimento de um diálogo enriquecedor entre as gerações.O princípio básico da Educação Patrimonial é a experiência direta dos bens e fenômenos culturais, para se chegar à sua compreensão e valorização, num processo contínuo de descoberta. A realização de inúmeras oficinas de treinamento de professores na prática da metodologia proposta promoveu a disseminação do método e das experiências, enriquecida pela contribuição de cada agente educacionalem seus diferentes contextos. A demanda por materiais e bibliografia relacionados com o tema fez com que, em 1999, produzíssemos, com o apoio do IPHAN e do Ministério da Cultura, um “Guia Básico da Educação Patrimonial”, que pudesse servir de suporte ao trabalho em diferentes circunstâncias e experiências. Os textos dessa apostila reproduzem parte deste material, no momento esgotado paradistribuição. O interesse despertado pelo assunto já motivou duas teses de mestrado em Educação, apresentadas à Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro, e outra apresentada à Universidade Federal de Santa Maria, RS. Algumas das propostas e práticas sugeridas foram inspiradas no trabalho educacional sobre o Patrimônio Cultural desenvolvido na Inglaterra, um país que se destaca pela qualidade deseu sistema educacional e pela riqueza de seus museus e de seus monumentos. Estas referências constam da bibliografia sugerida, mas são de difícil acesso no Brasil, e publicadas em inglês. Muitos artigos, entretanto, já estão publicados por autores brasileiros em revistas universitárias e científicas, o que não supre a necessidade de mais estudos e publicações sobre o tema. É preciso, assim, queos professores e agentes educacionais que se envolvam na exploração da Educação Patrimonial, em sua atividade pedagógica, registrem e analisem essas experiências, contribuindo para o aprofundamento de conceitos e do embasamento teórico de sua prática.

O que é, afinal, a Educação Patrimonial?
Trata-se de um processo permanente e sistemático de trabalho educacional centrado no Patrimônio...
tracking img