Resumo do livro o crescimento populacional

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 6 (1337 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 6 de abril de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Resumo: O Crescimento Populacional
A biologia considera equilibrado um ecossistema no qual o número de indivíduos de uma determinada população tende a permanecer mais ou menos constante. A natureza e responsável por essa estabilização. Se não fossem os limites impostos pelo ambiente.
O controle populacional entre os homens é um fato de cultura, e não de natureza.
A revolução Agrícola e arevolução Industrial são os melhores exemplos de como a ampliação da base produtiva se relaciona diretamente com o crescimento populacional.
A participação dos países de Terceiro Mundo no crescimento demográfico mundial e bastante significativa. Países desenvolvidos têm sido igual ou inferior a 1%, o dos países subdesenvolvidos tem sido cerca de 2 a 3%.
O crescimento acelerado da população dospaíses subdesenvolvidos o responsável pela existência da fome.
A fome e a renda são as duas faces de uma moeda. A dominação econômica conduz à dominação cultural e de ideias.
Não se pode afirmar que o crescimento populacional seja a causa da fome, tornando-se necessário o controle da natalidade. Essa posição é cômoda e simplista.
As precárias condições sociais em que se vive são resultado de suaincapacidade de produzir riquezas e de ascender na pirâmide social. A pobreza, e consequentemente a fome, é a causa do crescimento populacional acelerado nos países do Terceiro Mundo.
Os países desenvolvidos tiveram altas taxas de natalidade no passado. As taxas de natalidade passaram a decrescer, sem necessidade de uma política de controle de natalidade.
Pois se sabe que a fome é uma criaçãohumana. Ela não é um fenômeno natural e sim um produto de criação humana e, portanto, capaz de ser eliminado pela vontade criadora do Homem. Sem dúvida existem no mundo áreas áridas e semi-àridas que dificultam a produção agrícola.
A quantidade de alimentos disponíveis é suficiente para proporcionar a todo o mundo uma dieta adequada. A questão da fome é escamoteada, aspectos secundários. Os fatorespolíticos, sociais, econômicos e culturais são subestimados ou ignorados.
E mais seguro responsabilizar o crescimento populacional a “preguiça” do pobre ou ainda as adversidade do meio natural como causas da miséria e da fome no Terceiro Mundo.
O ritmo de crescimento populacional seria mais acelerado que o ritmo de crescimento da produção alimentar (PG x PA).
Ocupados pela agropecuária e apopulação do planeta continuaria crescendo. A consequência seria a fome a falta de alimentos para abastecer as necessidades de consumo do planeta. As pessoas só tiveram filhos se possuíssem terras cultiváveis para poder alimenta-los.
A população do planeta não duplicou a cada 25 anos e a produção de alimentos crescerem no mesmo ritmo do desenvolvimento tecnológico.
Essa teoria, quando foielaborada, parecia muito consistente. Malthus tirou suas conclusões a partir da observação do comportamento demográfico em uma região limitada. Não previu os efeitos decorrentes da urbanização na evolução demográfica e do progresso tecnológico aplicado à agricultura.
A atual produção agropecuária mundial é suficiente para alimentar cerca de 9 bilhões de pessoas, enquanto a população do planeta nãoatingiu a cifra de 6 bilhões. A fome existe porque as pessoas não possuem o dinheiro necessário para suprir suas necessidades básicas.
Com o fim da segunda guerra mundial, foi realizada uma conferencia de paz em 1945 em São Francisco, que deu origem à Organização das Nações Unidas. A paz depende da harmonia entre os povos e, portanto, da diminuição das desigualdades econômicas no planeta.
Umapopulação jovem numerosa, resultante das elevadas taxas de natalidade, necessita de grandes investimentos sociais em educação e saúde. Com isso diminuem os investimentos produtivos nos setores agrícola e industrial, o que impede o pleno desenvolvimento das atividades econômicas.
O crescimento populacional é o responsável pela ocorrência da miséria. Programas de controle de natalidade nos países...
tracking img