Resumo do livro mitologias

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 2 (443 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 27 de fevereiro de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
Resumo do livro “Mitologias”

• O mito é uma fala, um sistema de comunicação, uma mensagem, um modo de significação, uma forma. Ele não se define pelo objeto da sua mensagem, mas pela maneira comoa profere: o mito tem limites formais, mas não substanciais.

• O mito é uma fala escolhida pela história: não poderia de modo algum surgir da “natureza” das coisas.

• O mito não podedefinir-se nem pelo seu objeto, nem pela sua matéria, pois qualquer matéria pode der arbitrariamente dotada de significação.

• A mitologia é apenas um fragmento dessa vasta ciência dos signos que Saussurepostulou, sob o nome de semiologia. A semiologia é uma ciência das formas, visto que estuda as significações independentemente do seu conteúdo.

• O significante do mito apresenta-se de umamaneira ambígua: é simultaneamente sentido e forma, pleno de um lado, vazio do outro.

• Um significado pode ter vários significantes.

• No mito, o conceito pode cobrir uma grande extensão designificante: por exemplo, um livro inteiro será o significante de um só conceito. Não existe nenhuma rigidez nos conceitos míticos: podem construir-se, alterar-se, desfazer-se, desaparecer completamente. Eé precisamente porque são históricos, que a história pode facilmente suprimi-los.

• A relação que une o conceito do mito ao sentido é essencialmente uma relação de deformação. Para Freud, o sentidolatente do comportamento deforma o sentido manifesto, assim, no mito, o conceito deforma o sentido. Naturalmente, esta deformação só é possível porque a forma do mito já é constituída por um sentidolinguístico.

• O mito é uma fala definida pela sua intenção (sou um exemplo de gramática), muito mais do que pela sua literalidade (chamo-me leão).

• Encarregado de “transmitir” um conceitointencional, o mito só encontra traição na linguagem, pois a linguagem ou elimina o conceito escondendo-o, ou o desmascara dizendo-o.

• A função específica do mito é transformar um sentido em...
tracking img