Resumo do artigo: o sujeito/pesquisador na pesquisa em psicologia clínica

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 8 (1805 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 27 de junho de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
O sujeito/pesquisador na pesquisa em Psicologia Clínica
Desde o nascimento na Psicologia como ciência (com Wundt), vemos esta ser atravessada por duas tradições epistemológicas e metodológicas:
1- A investigação naturalista do psiquismo (desenvolvida nas universidades); e
2- A investigação clínica do psiquismo (desenvolvida nos contextos práticos psicológicos, tendo dificuldade de se inserirno meio acadêmico)
Em decorrência disso, a legitimidade da pesquisa no âmbito da Psicologia Clínica é questionada.
Psicologia Clínica – Origem e Definição
Este termo foi criado pelo psicólogo experimental Lightner Witmer, que tentava aplicar na prática seus achados dos experimentos laboratoriais. Ele estabeleceu a 1ª clínica de Psicologia na Pensilvânia em 1896. Nesse mesmo ano ele usou pela 1ªvez o termo Psicologia Clínica e ministrou o 1º curso dessa matéria. O autor dizia que a Psicologia Clínica era um campo de estudo e de intervenção cujo objetivo seria o de examinar as aptidões dos sujeitos e suas deficiências com vistas à generalização destes achados. Seria, portanto, o exame e o tratamento de características individuais – não necessariamente anormais, associadas ao fenômeno dodesenvolvimento. Alguns elementos são recorrentes até os dias atuais sobre a definições do campo de estudo e a atuação na Psicologia Clínica.
(Os autores reúnem alguns conceitos e definições extraídos de dicionários de Psicologia e áreas afins sobre a Psicologia Clínica – não achei pertinente colocar aqui, vou apresentar somente a conclusão que ele faz sobre essas definições, mas vou deixar todaselas em anexo no final caso alguém ache importante ler!)
De acordo com as definições trazidas dos dicionários e demais textos, foi possível encontrar as seguintes informações: o conceito de Psicologia Clínica está, em síntese, relacionado ao ato de diagnosticar, examinar, avaliar e tratar o indivíduo, mediante técnicas e princípios específicos e característicos da Psicologia Clínica. Parte dasdefinições trouxe, em algum momento, a Psicologia Clínica como uma parte da Psicologia que visa aos casos individuais representativos de alguma anormalidade ou sofrimento psíquico. Porém vale lembrar que muitas abordagens teóricas utilizadas na prática clínica não estão centradas, apenas, na doença ou patologia; enfatizam, também, a idéia de prevenção de ênfase aos aspectos saudáveis do indivíduo.Outro aspecto observado é que poucos autores trazem a pesquisa como uma prática inerente à Psicologia Clínica, o que denota um interesse limitado da pesquisa neste âmbito.
Embora seja mais adequado falar “Das Psicologias Clínicas”, os autores optam neste artigo, por tentar discutir a Psicologia Clínica como um conceito único, estabelecido a partir dos critérios de tratamento, avaliação e, ainda,da prevenção, conforme proposto pelos autores por eles mencionados.
DESENVOLVIMENTO DO ARTIGO
(Aqui os autores começam meio que a falar tudo que já falaram só que acrescentando alguma coisa ou desenvolvendo melhor alguma ideia :p aushausha os: tudo que falei até agora fazia parte da introdução!)
Como já foi dito, o campo de atuação em Psicologia Clínica ocorre em diversos âmbitos, utilizandoo enfoque preventivo ou curativo, individualmente ou em equipe, por meio das várias abordagens teóricas; o psicólogo clínico realiza a pesquisa, o diagnóstico, o acompanhamento psicológico e a intervenção psicoterápica; a prática da pesquisa é trazida em vários momentos como uma atividade relevante da prática em Psicologia Clínica, seja visando à ampliação e à construção do conhecimento teóricoaplicado, seja na elaboração de programas aplicados de pesquisa. Apesar de a pesquisa em Psicologia Clínica ser considerada uma prática relevante, observa-se que poucos profissionais se dedicam a ela. (Apesar de constar em dados apresentados em pesquisas que há um grande número de profissionais atuantes na Clínica, um percentual muito pequeno destes estão envolvidos com a pesquisa.)
A partir...
tracking img