Resumo de economia

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 2 (422 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 3 de maio de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
Políticas Não-Monetárias de Controle da Inflação:
uma proposta pós-keynesiana.


Até o início dos anos 1980, predominava a idéia friedmaniana que
o objetivo final do banco central deveria serevitar inflações e deflações
e sua meta intermediária, que permitiria alcançar a meta final,
deveria ser o volume de algum agregado monetário em um determinado
período de tempo. Tal proposiçãoseenfraqueceu teoricamente e perdeu aplicabilidade devido ao insucesso que alguns bancos centrais tiveram quando adotaram a regra
friedmaniana.
Na última metade do século passado, houve dois debates comabordagens não-convencionais sobre o tema inflação. Um deles ocorreu
nos anos 1950-60 e foi patrocinado pela abordagem estruturalista
pertencente aos economistas ligados à Cepal.
se a inflação écausada por excesso de demanda, será normalmente
considerada como controlável por políticas fiscais e monetárias de contração
de demanda. Se for em grande medida causada por forças de custo e
daoferta, poderá não reagir tão facilmente a esta terapia
Há autores que consideram que os estruturalistas somente tinham
uma agenda-negativa e eram condencendentes com a inflação8. Inácio
Rangel, porexemplo, segundo Bielschowsky (2000, p. 234), considerava
que os estruturalistas não estavam em desacordo com os males que
a inflação podia provocar, apenas consideravam que era impossível
crescer,nas condições latino-americanas, sem gerar inflação.
Na visão pós-keynesiana é reconhecido que o sistema monetário
não possui freios próprios para conter a inflação; existe, portanto, a
necessidadede sufocar as pressões inflacionárias onde quer que elas
surjam, porque se se permitir que elas floresçam, serão mais provavelmente
validadas que reprimidas pelas variáveis monetárias.
O potencialda inflação importada pode ser explicado também pelo
hiato de emprego e pelo grau de monopólio da economia. Uma elevação
de preços (na moeda nacional) de produtos importados, seja devido
a uma...
tracking img