Resumo cap 8 fundamentos de economia

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 6 (1364 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 3 de setembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Capítulo 8 – Introdução à Macroeconomia



A Macroeconomia analisa a determinação e comportamento de grandes agregados, como renda e produto nacionais, nível geral de preços, emprego e desemprego, estoque de moeda e taxas de juros, balanço de pagamentos e taxa de câmbio. Sem se preocupar com unidades individuais e mercados específicos, isso é tratado pela Microeconomia.

Por nãotratar o cenário considerando alguns detalhes, a Macroeconomia pode omitir fatores específicos importantes. Por outro lado, permite uma compreensão maior de algumas das interações mais relevantes da economia, representando assim um importante instrumento para a política e a programação econômica.

A macroeconomia preocupa-se com questões de curto prazo, especificamente avaliafundamentalmente questões conjunturais, como desemprego e inflação.

Os objetivos de política macroeconômica são o alto nível de emprego, estabilidade de preços, distribuição de renda socialmente justa e crescimento econômico.

O alto nível de emprego gera discussões de até que ponto o governo deve interferir na economia de mercado. Até os meados de 1930, acreditava-se que o mercado era guiadopor uma mão invisível, esta determinaria os preços e a produção de equilíbrio, assim não haveria desemprego. Em 1929, a não interferência do governo, levou a quebra de Nova York e uma crise de desemprego atingiu muitos países. No livro Teoria Geral do Emprego, dos Juros e da Moeda (John Mayanard Keynes, 1936), forneceu aos governantes insumos necessários para que a economia recuperasse seu nívelde emprego potencial ao longo do tempo. Com a contribuição de Keynes, volta à discussão, até que ponto o governo deve interferir na economia de mercado? Os economistas neoliberais pregam que o governo deve cuidar apenas da política monetária e deixar a produção para o setor privado, enquanto os demais querem maior atuação do Estado na economia (Keynesianos, desenvolvimentistas, socialistas, etc.).A estabilidade de preços é medida pela inflação / deflação, que é o aumento / diminuição contínuo e generalizado no nível geral dos preços. O descontrole da inflação gera distorções no mercado econômico e na sociedade que faz parte, pois afeta preços de produtos e serviços e distribuição da renda. O controle da inflação é preocupação para todos os países, até os mais desenvolvidos, poisquanto maior o nível de atividade econômica, utilização de recursos produtivos tende a atingir sua capacidade máxima, gerando tensões inflacionárias.

A economia brasileira durante a década de 60 e 70, passou por um crescimento considerado razoável, porém a distribuição de renda era desproporcional entre regiões e classes econômicas, ferindo o conceito de distribuição justa da renda.Nesse período, por conta de uma política deliberada do governo de primeiro aumentar a renda, para depois dividir. O padrão de vida de toda a população melhorou, a renda per capita aumentou, porém o que aconteceu foi que, os mais ricos aumentaram proporcionalmente sua renda, quando os mais pobres, que teve sua renda aumentada, tiveram uma menor participação na renda do país.

O crescimentoeconômico se refere ao crescimento da renda per capita, quando em alta, gera melhores oportunidades para sociedade, aumento nos recursos disponíveis, avanços tecnológicos, novas maneiras de organizar a produção, qualificação da mão-de-obra e melhora no padrão de vida, porém sua medida pode ser irônica, pois existem falhas.

Com o crescimento econômico pode facilitar a solução de problemasrelativos à pobreza, pois com o aumento da renda do país, podemos aumentar a renda dos pobres, sem diminuir a dos ricos. Porém, há um conflito entre as metas de crescimento x equidade na distribuição da renda, por vários fatores, como educação, mão-de-obra de baixa qualificação, entre outros, que impedem aumentar o rendimento das classes mais baixas (são a maioria de nosso país). Também outro...
tracking img