Filosofia
De Marilena Chaui
Ed. Ática, São Paulo, 2000.
Unidade 5
A lógica

Capítulo 14
O nascimento da lógica

É lógico!

“É lógico que eu vou!”, “É lógico que ela disse isso!”. Quando dizemos frases comoessas, a expressão “é lógico que” indica, para nós e para a pessoa com quem estamos falando, que se trata de alguma coisa evidente. A expressão aparece como se fosse a conclusão de um raciocínio implícito, compartilhado pelosinterlocutores do discurso. Ao dizer “É lógico que eu vou!”, estou supondo que quem me ouve sabe, sem que isso seja dito explicitamente, que também estou afirmando: “Você me conhece, sabe o que penso, gosto ou quero, sabeo que vai acontecer no lugar x e na hora y e, portanto, não há dúvida de que irei até lá”.

Ao dizer “É lógico que ela disse isso!”, a situação é semelhante. A expressão seria a conclusão de algo que eu e a outra pessoasabemos, como se eu estivesse dizendo: “Sabendo quem ela é, o que pensa, gosta, quer, o que costuma dizer e fazer, e vendo o que está acontecendo agora, concluo que é evidente que ela disse isso, pois era de se esperar queela o dissesse”.

Nesses casos, estamos tirando uma conclusão que nos parece óbvia, e dizer “é lógico que” seria o mesmo que dizer: “é claro que” ou “não há dúvida de que”.

Em certas ocasiões, ouvimos, lemos, vemosalguma coisa e nossa reação é dizer: “Não. Não pode ser assim. Isso não tem lógica!”. Ou, então: “Isso não é lógico!”. Essas duas expressões indicam uma situação oposta às anteriores, ou seja, agora uma conclusão foi tiradapor alguém, mas o que já sabemos (de uma pessoa, de um fato, de uma idéia, de um livro) nos faz julgar que a conclusão é indevida, está errada, deveria ser outra. É possível, também, que as duas expressões estejamindicando que o conhecimento que possuímos sobre alguma coisa, sobre alguém ou sobre um fato não é suficiente para compreendermos o que estamos ouvindo, vendo, lendo e por isso nos parece “não ter lógica”.

Nesses [continua]

Ler trabalho completo

Citar Este Trabalho

APA

(2012, 04). Resumo capítulo 14 marilene chaui, convite a filosofia. TrabalhosFeitos.com. Retirado 04, 2012, de http://www.trabalhosfeitos.com/ensaios/Resumo-Cap%C3%ADtulo-14-Marilene-Chaui-Convite/169756.html

MLA

"Resumo capítulo 14 marilene chaui, convite a filosofia" TrabalhosFeitos.com. 04 2012. 2012. 04 2012 <http://www.trabalhosfeitos.com/ensaios/Resumo-Cap%C3%ADtulo-14-Marilene-Chaui-Convite/169756.html>.

MLA 7

"Resumo capítulo 14 marilene chaui, convite a filosofia." TrabalhosFeitos.com. TrabalhosFeitos.com, 04 2012. Web. 04 2012. <http://www.trabalhosfeitos.com/ensaios/Resumo-Cap%C3%ADtulo-14-Marilene-Chaui-Convite/169756.html>.

CHICAGO

"Resumo capítulo 14 marilene chaui, convite a filosofia." TrabalhosFeitos.com. 04, 2012. Acessado 04, 2012. http://www.trabalhosfeitos.com/ensaios/Resumo-Cap%C3%ADtulo-14-Marilene-Chaui-Convite/169756.html.