Restaurante

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 14 (3466 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 8 de outubro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
O Restaurante Fellini (Fonte: Central de Cases ESPM – Autor: Prof. Rodrigo Siqueira)
O Restaurante Fellini, um dos mais famosos do Rio de Janeiro, localizado no bairro nobre do Leblon, tem como seu
principal gestor e fundador, Nelson Laskowsky. O ambiente agradável, a atmosfera de harmonia e tranquilidade não
são ameaçados pela grande quantidade de clientes. Ao contrário, são reforçados.Durante o almoço, constantemente
Nelson e sua esposa, Ana – nutricionista do restaurante – são abordados por clientes que mais parecem amigos. Os
garçons extremamente educados e prestativos oferecem um “caldinho” antes do almoço: “cortesia da casa”, esclarece
Nelson. Mais adiante, conta-nos um fato surpreendente: “Um dos nossos garçons foi se casar e tivemos que alugar
uma van para levar oitocasais de clientes que foram ao casamento”. Fatos assim, além de respeito às pessoas, amor
pelo que se faz e muita disciplina,, provam ser o Fellini um lugar diferente.
Histórico
O Restaurante Fellini, fundado na cidade do Rio de Janeiro em maio de 1993, é um sobrado de esquina situado numa
rua tranquila do Leblon, na Zona Sul do Rio de Janeiro. Trata-se de bufê com cobrança a peso com uma propostagastronômica e um atendimento diferenciado, em que os donos participam diariamente das operações. Formam uma
base bem eclética de clientes principalmente pelo sistema de cobrança, que pela sua excelente relação custo-benefício
atrai moradores, trabalhadores de empresas próximas e turistas. Destaque para o grande número de pessoas da
terceira idade que busca o restaurante. E atrai tanta genteque são comuns filas na porta. O que é que torna o Fellini
especial a ponto de lotar os seus 150 lugares no almoço e no jantar, chegando a atender 800 pessoas por dia? “O
segredo é nunca cair na mesmice”, resume o proprietário, Nelson Laskowsky. “Estamos o tempo todo experimentando
novos pratos. Nosso bufê tem desde uma simples salada até iguarias finas, como lagosta, caviar ou escargot, nãoencontradas em cardápios a quilo. Investindo na gastronomia e na qualidade do serviço,conseguimos agradar e
conquistamos uma clientela fiel”, complementa.
O restaurante não chegou por acaso até onde sonhara seu fundador. “Foi preciso trabalhar muito durante anos, até
chegar aonde eu queria”, revela Nelson.Ele conta que nos tempos de estudante ganhou uma bolsa para fazer o curso
de Administraçãona Universidade de Jerusalém. Lá, ficou morando numa república e foi trabalhar numa pizzaria. “Fui
tudo, de lavador de panelas a pizzaiolo e caixa”. Quando voltou ao Brasil, em 1980, abriu em Madureira, na Zona Norte
do Rio de Janeiro, uma pizzaria no sistema de fast-food (servida em pedaços). Não deslanchou. “Era o produto certo,
no tempo certo, mas no lugar errado; era como vender galochasno deserto”, comenta. Decidiu tentar outra coisa, desta
vez na Zona Sul.
Não existe “mico” ou negócio ruim
A oportunidade surgiu em 1993, quando Nelson descobriu o sobrado do Leblon, antes ocupado por um restaurante.
Estava à venda por um preço ótimo, mas o ponto era considerado “micado”. Ele não se impressionou. “No começo me
dei mal. Não redecorei a casa nem soube lançar o restaurante namídia. Fazia uma boa comida, mas não tinha
sucesso”, constata. Foi aí que Nelson deu a virada na vida. “Vi que precisava ter humildade e reaprender”, lembra.
Começou a visitar outros restaurantes, a observar os pontos fortes e fracos, participou de associações de restaurantes,
inteirou-se de novas práticas através das revistas especializadas. Só então deu partida em seu projeto. Organizou a
casa,mudou do sistema “à la carte” para o sistema de cobrança por peso, reformulou o cardápio para 80 opções a
quilo; contratou bons chefs e até um sushiman, que prepara
na hora especialidades da cozinha japonesa.
A concorrência
A concorrência ao redor do restaurante é ampla. Diversos restaurantes reconhecidos na cidade oferecem aos clientes
as mais diversas opções em gastronomia e em qualidade...
tracking img