Responsabilidade social

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 42 (10319 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 13 de novembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
C o m u n i c a ç ã o
Alexandra Leandro e Teresa Rebelo

n a s
• A

O r g a n i z a ç õ e s
responsabilidade social das empresas

A responsabilidade social das empresas: incursão ao conceito e suas relações com a cultura organizacional
Alexandra Leandro

Escola Superior de Educação - Instituto Politécnico de Coimbra
Teresa Rebelo

Faculdade de Psicologia e de Ciências da Educação -Universidade de Coimbra
Resumo A responsabilidade social das empresas é um conjunto de políticas e práticas concertadas, alinhadas com os objectivos estratégicos das mesmas, que pretende dar resposta às exigências internas, do mercado e da comunidade, tendo como diapasão o interesse comum. Uma empresa socialmente responsável é, por isso, geradora de valor para todos os seus stakeholders.Pretende ser um agente de mudança, de diferenciação e inovação. Assim, sabendo que as empresas socialmente responsáveis têm de ter como princípios de actuação a ética, a qualidade e a geração de valor, este trabalho espelha a necessidade de clarificar, por um lado, o próprio conceito de responsabilidade social e, por outro, explorar a relação entre este e a cultura organizacional. Palavras-chaveResponsabilidade social, Cultura organizacional, Ética empresarial, Stakeholders Abstract Corporate social responsibility (CSR) concerns an ensemble of management’s policies and practices embedded on the company’s strategy and goals. CSR aims to meet the internal, market and community demands, having the common interest as its backbone. Thus, a socially responsible company generates value to all itsstakeholders. Such a company wishes to present itself as an agent of change, differentiation and innovation. Acknowledging that socially responsible companies must have principles such as ethics, quality and value-generation, we intend to, on one hand, clarify the concept of CSR, and, on the other hand, how it relates to the corporate culture. Key-words Corporate social responsibility, Corporateculture, Business ethics, Stakeholders
11

exedra • número especial • 2011

Introdução A responsabilidade social das empresas (RSE) tem vindo a ganhar relevância no campo da gestão, principalmente na última década. Apesar da RSE ser multi-dimensional e ter uma face muito visível na esfera pública, interessa-nos particularmente o aspecto menos mediático da RSE – a sua dimensão interna, enquantoestratégia deliberada para a gestão responsável das pessoas e dos recursos, criando ambientes de trabalho saudáveis, construindo empresas que geram valor para os seus colaboradores. O objectivo principal deste artigo é, então, fazer uma viagem pelo conceito de RSE, olhando a sua história e os seus fundamentos, conceptualizações e fronteiras, e, também, perceber qual o campo comum com a cultura dasorganizações.

1 Enquadramento teórico 1.1 Génese do conceito

Corporate responsibility is the newest «old» thing in business management.
Blowfield e Murray (2008, p.36) A responsabilidade social, no seu âmbito mais restrito – a devolução à sociedade de parte dos lucros acumulados pelas empresas, em forma de caridade, solidariedade, não é recente. Muito antes de a responsabilidade social sersistematizada, já era prática dos grandes magnatas da indústria como Carnegie, Lever ou Cadbury (Blowfield e Murray, 2008; Lantos, 2001; Post et al., 2002), reconhecidos filantropos. Na era pós-revolução industrial, foram muitos os casos em que estes gestores tentavam colmatar a falta de condições socioeconómicas dos seus empregados, criando verdadeiras “cidades” dentro das suas empresas, comescolas, hospitais, casas, e todo tipo de infraestruturas necessárias ao bem-estar dos seus trabalhadores. Mais perto da nossa contemporaneidade, e um provável quadro a repetirse nesta altura de crash económico-financeiro, também nos anos 70 os países da Europa Ocidental usaram de práticas de responsabilidade social como forma de combate aos problemas da economia de mercado (Abreu et al., 2005). Mais...
tracking img