Residuos solidos e reciclagem

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 23 (5669 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 1 de novembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Gerenciamento Integrado de Resíduos Sólidos e a Reciclagem

Luiz Filipe Cardoso Lopes
Centro Universitário Leonardo da Vinci – UNIASSELVI
Bacharelado em Administração

RESUMO

Este trabalho procura situar a reciclagem industrial de materiais e os programas de coleta seletiva de lixo numa abordagem integrada da gestão de resíduos sólidos urbanos. O mercado para os materiais recicláveis jáexiste, necessitando de ações que viabilizem a segregação dos resíduos na fonte e a otimização da cadeia produtiva da reciclagem, permitindo a inclusão social dos catadores, que se encontram marginalizados. São apresentadas algumas experiências de municípios brasileiros, onde programas de coleta seletiva têm sido o ponto de partida de projetos sociais mais amplos, envolvendo a valorização doscatadores e o estabelecimento de parcerias com a sociedade civil organizada. Os resultados observados são a participação consciente da população, redução do lixo destinado aos lixões ou aterros e geração de renda. Tais resultados foram alcançados a partir de uma mudança de paradigma das administrações, em relação à gestão do lixo. São apresentadas sugestões de ações a serem implementadas pelo governoestadual, em parceria com as prefeituras municipais, a partir da criação de uma política estadual para a reciclagem.

Palavras-chave: gerenciamento integrado, coleta seletiva, reciclagem


1 INTRODUÇÃO

O acúmulo de lixo é um fenômeno exclusivo das sociedades humanas. Em um sistema natural não há lixo: o que não serve mais para um ser vivo é absorvido por outros, de maneira contínua. Noentanto, nosso modo de vida produz, diariamente, uma quantidade e variedade de lixo muito grande, ocasionando a poluição do solo, das águas e do ar com resíduos tóxicos, além de propiciar a proliferação de vetores de doenças. (HESS, 2002)
A composição do lixo urbano depende do porte do município e dos hábitos da população, entre outros fatores, sendo que as proporções encontradas na literaturagiram em torno de 65% de matéria orgânica, 15% de papel e papelão, 7% de plásticos, 2 % de vidros, 3% de metais - materiais com alta reciclabilidade - e o restante se divide entre outros materiais, como trapos, madeira, borracha, terra, couro, louça - com baixo potencial para a reciclagem - e materiais com potencial poluidor, como pilhas, baterias e lâmpadas fluorescentes.
A Organização Mundial daSaúde (apud PNUD, 1998) define lixo como “qualquer coisa que seu proprietário não quer mais, em um dado lugar e em um certo momento, e que não possui valor comercial”. De acordo com essa definição, pode-se concluir que o resíduo sólido, separado na sua origem, ou seja, nas residências e empresas, e destinado à reciclagem, não pode ser considerado lixo, e sim, matéria prima ou insumo para aindústria ou outros processos de produção, com valor comercial estabelecido pelo mercado de recicláveis.
A reciclagem é definida como o processo de reaproveitamento dos resíduos sólidos, em que os seus componentes são separados, transformados e recuperados, envolvendo economia de matérias-primas e energia, combate ao desperdício, redução da poluição ambiental e valorização dos resíduos, com mudança deconcepção em relação aos mesmos (PNUD, 1998).
Durante a Conferência das Nações Unidas sobre Meio Ambiente e Desenvolvimento (Rio-92), os representantes dos 170 países presentes, consolidaram o conceito de desenvolvimento sustentável, como diretriz para a mudança de rumos no desenvolvimento global. Este conceito se fundamenta na utilização racional dos recursos naturais, de maneira que possam estardisponíveis para as futuras gerações, garantindo também a construção de uma sociedade justa, do ponto de vista econômico, social e ambiental. Os compromissos assumidos pelos governos, nessa ocasião, compõem a Agenda 21, cuja implementação pressupõe a tomada de consciência sobre o papel ambiental, econômico, social e político que cada cidadão desempenha na sua comunidade, exigindo a integração...
tracking img