Resenha

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 3 (652 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 4 de abril de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
BRUNO, Lúcia. Reestruturação Capitalista e o Estado Nacional. In: Política e Trabalho na escola. OLIVEIRA, Dalila A.; DUARTE, Marisa R. T. (orgs.) Belo Horizonte: Autêntica, 1999. p. 13-41.A autora mostra como a fase contemporânea de internacionalização do capital, vem levantando questões sobre o poder do estado no processo econômico, a amplitude de suas ações e os diversosinteresses em questão. Destaca as críticas ao Estado Nacional, e as acusações de ineficiência de suas ações, num discurso inicialmente entendido como ideológico, mas de suma importância no processo demudança no sistema capitalista.
A autora considera o Estado uma instituição fundamental para o desenvolvimento do capitalismo, além de ser um instrumento de repressão, sendo que, algunsquestionamentos foram feitos em relação à utilidade do Estado para as classes capitalistas, porém, em sua defesa restavam a esquerda ortodoxa e social-democrata, que argumentam uma vocação do Estado para a promoçãodo “Bem Estar Social”. Em contra partida o Estado praticou ações brutais contra o proletariado, que afirmavam sua autonomia política e social em relação ao sistema capitalista.
A autora afirmaque a forma de organização do trabalho no capitalismo é uma forma de exercício de poder dos capitalistas sobre os trabalhadores, não existindo nenhuma proposta para dar autonomia ao trabalhador quealtere essa realidade, ao contrário, desenvolve-se formas de manter o exercício do poder dentro e fora dos locais de trabalho.
Enfatiza um Estado detentor do poder, manipulador, que legisla eexerce a violência, dividindo essa atribuição com o empresariado, através da exclusão social e do desemprego, sendo que as empresas não são integradas aos processos econômicos, ficando o Estado Nacionalincumbido de várias atribuições relacionadas à infra-estrutura materiais e sociais.
De acordo com a autora, ao final do século XIX com o “recrudescimento das lutas sociais” essa situação...
tracking img