Resenha - a menina que roubava livros

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 2 (350 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 5 de março de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
A menina que roubava livros – Resenha.
A menina que roubava livros é um apelido dado pela morte à Liesel Meinger, uma garota alemã, que foi adotada quando criança devido ao fato de sua mãe tersido perseguida pelos nazistas.
A fascinante história de Liesel é passada na cidade de Molching, na Alemanha, e é contada por uma curiosa narradora, a Morte, que estranhamente conta a história deforma calma e passiva.
Durante a infância de Liesel, na Rua Himmel (área pobre da cidade), a garota cativou relações com muita gente como, por exemplo, Rudy, seu melhor amigo, que um dia viria a ser oamor de sua vida; um judeu que morou dois longos anos no porão de sua casa; a mulher do prefeito, que lhe proporcionou um incrível contato com uma biblioteca e, é claro, os livros, sua grande paixão,a qual viria a ser aguçada ainda no início da história, no seu primeiro ato furtivo, em um cemitério.
Ao longo de sua juventude, Liesel conseguira, de diversas formas, seus maiores tesouros: seuslivros. Eles não eram muitos, claro que ela gostaria que fossem mais, porém não reclamava por isso.
A obra nos prende desde o começo quando o autor descreve a Morte como narradora, e é encaixadacom muita criatividade na história e que muitas vezes pelo nosso envolvimento com ela, nos esquecemos que ela é a narradora.
A emoção transmitida em trechos do livro me chamou muita atenção,principalmente nas conversas e momentos entre Hans (pai adotivo da menina) e Liesel, que retrataram com tanta beleza e sensibilidade o amor entre os dois. Outro recurso muito autêntico usado pelo autorfoi o palavreado em alemão, em que xingamentos e adjetivos alemães eram derramados na história e acabavam por fazer parte do vocabulário do leitor.
Importante, finalmente, dizer que foi a paixãopor livros e a sede de conhecimento que marcaram a vida de Liesel naquele tempo, quando a Alemanha era transformada diariamente pela guerra, dando trabalho dobrado à Morte.
Enfim, é como diz no...
tracking img