Resenha a existência ética - marilena chaui

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 6 (1395 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 19 de novembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Ética Individual

A Ética Individual cuida dos deveres do homem para consigo mesmo, como já foi dito.
Há dois deveres do indivíduo para consigo: o dever de conservação e o dever de reprodução. O dever de conservação leva o homem a cuidar de suas necessidades físicas: comer, beber, dormir, repousar e exercitar; saúde: higiene, profilaxia e tratamento; preservar a sua vida: evitando vícios,acidentes, suicídio e assassinato; prover-se de recursos financeiros: trabalho (alimentação, habitação, vestuário).
O dever de conservação leva o homem a cuidar de suas necessidades psíquicas: afirmação pessoal e social, realização humana ( familiar, profissional, social ) , recreação. O dever de conservação leva o homem a cuidar de suas necessidades recreativas: lazer, diversão, sociabilidade.
Odever de conservação leva o homem a cuidar de suas necessidades culturais: instrução e meios de expressão. O dever de conservação leva o homem a cuidar de suas necessidades espirituais: fé, religião, culto, etc.
O dever de reprodução leva o homem a cuidar de sua sexualidade : natureza ( ereção, frequência e fertilidade ) , sanidade , casamento , procriação .

Juízo Moral e Avaliação MoralJuízo é uma faculdade da alma que permite diferenciar entre o bem e o mal. Noutros termos, o juízo é uma opinião ou um ditame. A moral, por outro lado, está relacionada com os costumes, os valores, as crenças e as normas de uma pessoa ou de um grupo social. A moral serve de guia, por assim dizer, uma vez que distingue o que é correto do que é incorreto.
Entende-se por juízo moral o ato mental queestabelece se uma determinada conduta ou situação tem conteúdo ético ou se, pelo contrário, carece destes princípios. O juízo moral realiza-se a partir do sentido moral de cada indivíduo e responde a uma série de normas e regras que vão sendo adquiridas ao longo da vida.

1.Caráter concreto da avaliação moral
A avaliação moral compreende três elementos:
(a) o valor atribuível
(b) o objetoavaliado
(c) o sujeito que avalia
Numa caracterização geral da avaliação moral, a avaliação, por ter atribuição de um valor constituído ou criado pelo homem, possui um caráter concreto,histórico-social. Também é preciso considerar que se pode atribuir valor moral a um ato se – e somente se – tiver ele conseqüências que afetam a outros indivíduos, a um grupo social ou à sociedade inteira.A avaliação ésempre atribuição de um valor por parte de um sujeito. Portanto,pelo valor atribuído, pelo objeto avaliado e pelo sujeito que avalia, a avaliação tem sempre um caráter concreto, ou seja, é a atribuição de um valor concreto numa situação determinada.

2. O bom como valor
O ato moral pretende ser uma realização do “bom”. Comportando-semoralmente, os homens aspiram ao bem, isto é, a realizar atosmoralmente bons.Definir o bom implica definir o mau. De uma sociedade para outra, mudam as idéias sobre o bom e o mau de acordo com as diferentes funções da mora efetiva de cada época, e essas mudanças se refletem sob a forma de novos conceitos nas doutrinas éticas. Nos povos primitivos o bom é, antes de tudo, a valentia, enquanto o mau é a covardia. Com a divisão da sociedade em classes, perde oseu significado universal humano. Na Idade Média é bom o que derivada vontade de Deus. Nos tempos modernos, o bom é o que concorda com a natureza humana concebida de uma maneira universal e abstrata que podemos definir no pensamento ético como felicidade, prazer, boa vontade, utilidade. Mas também pode ser caracterizado como verdade, poder, riqueza e Deus.

3. O bom como felicidade (eudemonismo)Para Aristóteles, a felicidade é o mais alto dos bens e está no exercício da razão.Isso significa que a felicidade está no alcance somente de uma parte privilegiada da sociedade, da qual, refletindo a realidade de sua época, estavam excluídos os escravos e as mulheres.O pensamento ético moderno sustenta o direito dos homens de serem felizes neste mundo, mas concebem a felicidade num plano...
tracking img