Resenha quem mexeu no meu queijo?

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 2 (310 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 13 de novembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Como gestora de pessoas acredito que deveria esta sempre preparada para qualquer mudança, seja ela pequena ou grande, pois ela sempre acontecerá e para enfrenta-la com êxito épreciso que estejamos preparados o tempo todo. Mas é claro que sinto medo, como um ser humano naturalmente sentirei medo sempre que me deparar com algo inesperado, mas justamente por meconhecer como um ser humano me sinto no dever de estar sempre preparada para qualquer eventual dificuldade, por isso acredito estar apta a gerir pessoas, que com eu, sentem-se acuadasquando tem que enfrentar o novo. Por tanto serei sempre a favor de mudanças mesmo que por conta delas seja necessário um grande esforço.
Sendo assim, é preciso analisar qual a melhorforma de lidar com elas, e nada melhor que começar com uma explanação do problema, o objetivo é encontrar soluções viáveis e que façam parte de um consenso geral, mas sem deixar perdero foco, e sem perder o animo com possíveis obstáculos. Pois mudanças são difíceis de serem aceitas com facilidade por qualquer pessoa. Então é preciso aprender antes a lidar com essemedo natural do ser humano, que o impede de conhecer e aceitar o novo, fazendo com que recuemos quando damos de cara com ele.
Obviamente tais mudanças acarretarão em quebra deparadigmas, e com certeza isso fará diferença mais adiante, dependerá de nós fazer com que isso conte a favor. Aceitar mudanças não é fácil, mas talvez se olharmos por outro ângulo, elaseja muito importante para o crescimento profissional e ate mesmo pessoal de cada individuo. Por tanto acredito ser necessário que analisemos com mais atenção a seguinte frase: “Viva asmudanças, e desafie o comodismo imposto pelo medo de perder”. Com isso deixo aqui minha humilde contribuição para gestão não só de pessoas como também da vida do ser individual.
tracking img