Resenha filme O bicho de sete cabeças

O BICHO DE SETE CABEÇAS
Roteiro do filme
Neto, a personagem principal da trama, era um jovem rapaz que sofria com os conflitos gerados pelas diferenças de sua personalidade mais “rebelde” com o que era idealizado pela sua família, já que seu pai era um homem conservador e que tentava moldá-lo à forma ideal proposta pela sociedade.
Os problemas começam quando o jovem apresenta umcomportamento inesperado pelo pai, como o vandalismo e uso de substâncias tóxicas. Para resolver isso, a família resolve interná-lo em um hospital que julgavam ser ótimo para tirá-lo dessa situação, sem se quer saber a opinião do próprio Neto a respeito disso.
Dentro do hospital, o jovem com um ambiente totalmente inóspito, desumano, com pessoas loucas, viciadas em substâncias, e onde tudo girava emtorno da opinião dos médicos, que nem sempre pensava nos internos, mas sim no que era mais conveniente para ele.
Neto se depara com muitas situações de violência contra os internos, com utilização excessiva de fármacos, eletrochoque, e reclusão. Nem mesmo os próprios pais acreditavam no que o filho falava, apenas no que o médico dizia que seria melhor para ele.
Esse afastamento da sociedade etudo que Neto passava durante o internamento, apenas pioram o estado dele, causando até alucinações e períodos de surto. Como sua mãe sofreu com a falta do filho, ele voltou ao convívio com a sociedade, e apresentou uma leve melhora, porém ainda havia rastros das conseqüências da internação.
Essas próprias conseqüências levam- o a ser internado novamente. Neto já estava cansado de tudo isso, atéque resolve deixar uma carta (lúcida) para o pai, e tenta o suicídio. Depois disso, seu pai se dá conta do erro que foi ter internado o filho, e o tira daquele lugar que só lhe fez mal por todo esse tempo.













O tema da obra seria a internação das pessoas tratando como doença as diferenças de personalidades e o que não condiz com a idealização imposta pela sociedade. Tratade todos os aspectos dessa internação, desde os métodos utilizados dentro dos hospitais para “curar” os internos, até as conseqüências disso, incluindo o efeito da falta do convívio do indivíduo com a sociedade, e passando até pela negligência da parte dos enfermeiros com os internos e a força que tinha a opinião do médico (saber oficial).
De acordo com o artigo Psicologia da Saúde, deCarvalho Teixeira, “A finalidade principal da psicologia da saúde é compreender como é possível, através de intervenções psicológicas, contribuir para a melhoria do bem-estar dos indivíduos e das comunidades”, o que é totalmente contrariado no filme, já que este evidenciou que a internação é nociva à saúde mental do indivíduo, já que é feito o uso excessivo de fármacos e reclusão do interno, podendoassim levar a gerar problemas mentais.
Ficou claro também que muitas vezes são colocadas pessoas que não devem estar nesses locais de reclusão, quando uma forte frase é dita por um dos internos do filme, mostrando que ele era lúcido a ponto de ser capaz de saber que para ser tratado melhor era preciso fingir a normalidade que era esperada. Isso é claro também quando mostram que pessoas eramencontradas embaixo de viadutos e levadas para os hospitais apenas para que a corrupção pudesse correr solta entre os profissionais responsáveis pelos tratamentos.
O filme propõe um combate à internação psiquiátrica, e ao hospitalocentrismo, que por muito tempo foram dados como soluções para os problemas psiquiátricos, bem como à teoria patologizante e individualizante.Personagens

Neto:
Apresentava um comportamento levemente rebelde, fazia uso de substâncias químicas, tinha companhias que o influenciavam, era jovem e tinha opiniões divergentes com as do seu pai. Era franzino, com cabelo comprido, moreno, de classe média baixa, e que não tinha perspectivas para o futuro, e não era tão responsável quanto seu pai queria que ele fosse. Não era um...
tracking img