Resenha do texto: mead, margaret. “visual anthropology in a discipline of words”, in principles of visual antrhopology,

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 2 (474 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 31 de março de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
Resenha do texto: Mead, Margaret. “Visual Anthropology in a Discipline of Words”, in Principles of Visual Antrhopology, The Hague: Mouton, pp. 3-12, Paris, 1975.


Neste texto, Margaret Meadquestiona a forma em que os relatos sobre outras culturas são feitos pelos antropólogos, mas tudo isso em uma visão de evolução de instrumentos. Ela critica a existência popular apenas do método escritode descrição dessas culturas, e a ausência de evolução e complementação desses instrumentos nessa ciência, como, por exemplo, vídeos, fotos, gravações.
A autora usa o argumento de que determinadasformas de comportamento humano ainda existente em culturas especificas vão se extinguir conforme o tempo, e inevitavelmente não serão devidamente estudadas e relatadas devido à forma arcaica que aciência antropológica utiliza para a coleta de dados e informações.
A principal linha de discussão de Mead no texto é a de que os antropólogos de hoje ainda insistem em utilizar apenas o método dadescrição escrita (notebooks) para fazer o registro de pesquisa de culturas preciosas enquanto a evolução tecnológica ocorre. Muito mais eficaz, para a autora, seria que houvesse gravações, filmes, embusca de eternizar essas culturas exatamente como são, e não dependendo do relato do antropólogo ou etnólogo, ou seja, com palavras.
Outra crítica que a autora faz é à idéia de que seriam necessáriasmuito mais habilidades para filmar do que para escrever. Mead discorda completamente dessa idéia, e afirma que não é uma tarefa difícil, embora o aconselhável fosse que a pessoa que responsável porgravar o filme tenha também algum entendimento e envolvimento com o que esta sendo filmado, com a cultura ou ritual, por exemplo. Para ela, mesmo que a pessoa não seja da área da antropologia, é possívelsim treiná-la, ensiná-la.
Outra justificativa para o não uso de gravações nesse campo seria o alto custo, o que também é contestado por Margaret Mead. Ela argumenta fazendo uma comparação com...
tracking img