Resenha do livro Modernidade Líquida

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 14 (3465 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 26 de dezembro de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
RELATÓRIO DO LIVRO MODERNIDADE LÍQUIDA

O livro trata das diferenças das épocas denominadas modernidade, em que a característica era a firmeza das relações tradicionais, em relação a época posterior, a pós-modernidade, caracterizada pela volatividade das relações em todos os ambientes.
Na modernidade uma pessoa poderia planejar o que faria na vida, como ter uma família sólida, um empregosólido, que perdurariam durante toda a sua vida; ao contrário, no período da pós-modernidade, nada disso é possível, uma vez que os empregos não são para toda a geração, assim como a família, em virtude da precariedade do casamento; trata, também, da mudança da forma da própria família, pois na época da modernidade, os filhos eram criados por suas mães; na pós-modernidade, esse parâmetro não existemais, em razão da mudança do papel da mulher na sociedade, de modo que as crianças são criadas, em regra, pelos avós ou pela escola.
“Os primeiros sólidos a derreter foram as lealdades tradicionais, os direitos costumeiros e as obrigações que restringiam as iniciativas. Derreter os sólidos significa, como dizia Weber, libertar a empresa de negócios dos grilhões dos deveres para com a família e olar da densa trama de obrigações éticas.
O derretimento dos sólidos levou à progressiva libertação da economia de seus tradicionais embaraços políticos, éticos e culturais.
O que está a acontecer hoje é a realocação dos poderes do derretimento, pois afetaram as instituições existentes e os padrões de comportamento. Na verdade, nenhum molde foi quebrado sem que fosse substituído por outro; aspessoas foram libertadas de suas velhas gaiolas apenas para ser censuradas caso não conseguissem se realocar, através de seus próprios esforços, contínuos e verdadeiramente infindáveis, da nova ordem.
A força militar e seu plano de guerra de atingir e correr prefigura, incorpora e pressagia o que de fato está em jogo no novo tipo de guerra na era da modernidade líquida: não a conquista do novoterritório, mas a destruição das muralhas que impediam o fluxo dos novos e fluidos poderes globais; expulsar da cabeça do inimigo o desejo de formular suas próprias regras, abrindo assim o até então inacessível, defendido e protegido espaço para a operação dos outros ramos, não-militares, de poder. A guerra hoje parece mais uma promoção do livre comércio por outros meios.
Ao longo do estágio sólido daera moderna, os hábitos nômades eram mal vistos, pois a cidadania andava de mãos atadas com o assentamento, e a falta de endereço fixo e de estado de origem significava exclusão da comunidade obediente e protegida pelas leis, frequentemente tornando os nômades vítimas de discriminação, quando não de perseguição. Embora isso ainda se aplique à subclasse andarilha e sem-teto, a era da superioridadeincondicional do sedentarismo sobre o nomadismo está chegando ao fim: no estágio fluido da modernidade, a maioria assentada é dominada pela elite nômade e extraterritorial.
A elite global contemporânea é formada no padrão do estilo senhores ausentes: ela pode dominar sem se ocupar com a administração, bem-estar, elevar moralmente, civilizar e com cruzadas culturais.
Fixar-se ao solo não é tãoimportante se o solo pode ser alcançado e abandonado à vontade, imediatamente ou em pouquíssimo tempo. Por outro lado, fixar-se muito fortemente, sobrecarregando os laços com compromissos mutuamente vinculantes, pode ser prejudicial, dadas as novas oportunidades que surgem em outros lugares. Bill Gates, no entanto, não sente remorso ao abandonar posses que se orgulhara ontem, pois é a velocidadeatordoante da circulação e da substituição que traz o lucro hoje, e não a durabilidade ou a confiabilidade do produto.
EMANCIPAÇÃO
Libertar-se significa libertar-se de algum tipo de grilhão que obstrui ou impede os movimentos. Sentir-se livre significa não experimentar dificuldade, obstáculo, resistência ou qualquer outro impedimento aos movimentos pretendidos ou concebíveis.
O equilíbrio...
tracking img