Resenha do livro cenografia anna mantovani

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 8 (1889 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 25 de fevereiro de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
Resumo do livro Cenografia

O livro de Anna Mantovani, Cenografia, se propõe a ser uma introdução ao assunto. Para isso, a autora faz um apanhado histórico, desde a antiguidade até os dias atuais, no qual recupera as teoria e técnicas específicas utilizadas para se pensar a organização do lugar teatral e suas manifestações em diferentes momentos e lugares. Afinal, o Teatro é, como toda a arte,intimamente relacionado com o meio social onde surge e será definido conforme o pensamento de cada época.
Um espetáculo teatral é fruto de um trabalho coletivo que envolve a participação de diversos profissionais especializados e cuja forma de organização depende da proposta e objetivo da encenação. A cenografia é um ato criativo pelo qual é elaborada uma composição do espaço tridimensional – olugar teatral que é onde se dá a relação cena/publico. O cenógrafo conhece teorias e domina técnicas, como história da arte e do espetáculo, desenho, pintura, escultura, modelagem composição. Ele se expressa através da linguagem visual, e encena plasticamente um texto dramático ou outra proposta de espetáculo.
O termo cenografia skenographie vem do grego e é composto por skené, cena, e graphien,escrever, desenhar, pintar, colorir. Servia para designar certos embelezamentos da skéne.
A autora busca mostrar as transformações e diferenças sofridas pelo teatro de uma época para outra e de um país para outro, não apenas como edifício mas também quanto ao caráter, isto é, quanto ao significado.
O Teatro na Grécia tinha um caráter religioso e era uma reunião da comunidade. Por sua vez, oTeatro Romano era divido por classes e significava divertimento. Os espetáculos gregos eram encenados em locais abertos nos quais a própria natureza emprestava sua exuberância e a paisagem natural era um dos elementos do cenário. Em Roma o teatro é um edifico fechado para oferecer diversão a um grande público. O cenário era fixo, tinha poucos elementos fixos e servia de ornamentação para a cena.Na idade média, o lugar teatral era primeiro a igreja - instituição de maior poder na época - e posteriormente na praça onde o publico passeava a frente dos palcos. O cenário adquire um caráter místico e religioso.
O edifício teatral, como se conhece hoje, surge no Renascimento. O teatro passa a ser considerada uma arte erudita. A perspectiva, redescoberta nesse período, era utilizada para oscenários com todo o seu poder ilusionista. Eram recreadas paisagens urbanas e campestres, acompanhando o tipo de encenação (tragédia, comédia ou sátira).
No Barroco, a evolução de modelos técnicas e teorias surgidas no renascimento, aliada a necessidade de separação do publico segundo seus recursos e classes sociais, concretiza-se no teatro à italiana - modelo que se espalhou pelo mundoocidental e é usada até hoje. A noite de espetáculo é um acontecimento social de grande importância, os espectadores vão desfilando até ocupar seus lugares segundo uma hierarquia social. A estrutura do palco a italiana vai se tornando cada vez mais elaborada e é pensada para permitir a utilização das maquinas cênicas e para a mudança rápidas de cenários que podem subir, descer ou entrar pelas laterais. Asinovações e aperfeiçoamentos técnicos buscam tornar o palco cada vez mais prático e funcional. O palco passou a ser uma caixa mágica de truques. Deixar o público maravilhado era a principal função da cenografia.
O século XIX foi marcado por grandes transformações que abalaram as estruturas do mundo. Há uma efervescência generalizada. A revolução francesa muda o contexto social. Inovaçõestecnológicas mudam a relação do homem com o universo. Surge a locomotiva, a máquina fotográfica, a luz elétrica e tantos outros engenhos que alteram o olhar do homem, a sua percepção de espaço, de velocidade e de tempo.
O teatro não fica alheio a esta tendência e também se questiona. Nesse contexto, surge o duque Meininger, que inaugura uma nova postura diante da elaboração cenográfica, através da...
tracking img