Resenha do filme – os mestres loucos, jean rouch, 1950

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 4 (783 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 3 de novembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
RESENHA DO FILME – OS MESTRES LOUCOS, JEAN ROUCH, 1950

“Os Mestres Loucos” é um documentário, de autoria de Jean Rouch, em que ele retrata a seita Haouka. A seita é formada por imigrantes do Nígere que se encontram na cidade Accra, capital da, então, Costa do Ouro (BAZIN, ). Vemos que os Haouka, quando não estão na prática de sua seita, se encontram no mercado de sal, onde socializam, jogandocartas e conversando, ou, em alguns casos, trabalhando.
O enfoque de Jean Rouch é, mais precisamente, a prática da seita. O cineasta francês procura mostrar que tal prática consiste na incorporaçãode alguns personagens presentes no cotidiano das cidades e que remete a organização “moderna”.
À primeira vista, o filme suscita um questionamento sobre a veracidade de tais incorporações. Isso sedeve ao fato de que os praticantes da seita apresentam mudanças fisiológicas e comportamentais brutais que, até mesmo, chocam os espectadores mais sensíveis.
Porém, esse questionamento não é o que sedeve relevar do documentário. Pois, ao atentarmos a esse ponto, não conseguimos entender qual é a relação dos indivíduos com o grupo (LEVI-STRAUSS, 1970), mais ainda, não se atenta à relação do grupocom a modernidade da cidade.
O choque de culturas que ocorre com a chegada dos jovens às grandes cidades (ROUCH, 1950) é evidenciado e readaptado na forma da seita. Ao incorporar papéis presentes naestrutura das cidades da África da metade do século XX, como governador, tenente, padre de todos etc. é possível perceber o impacto na forma da seita, no entanto, não há o seu extermínio ou como secostuma evidenciar uma supressão da cultura Haouka pela cultura ocidental. Não é isso que está em questão.
Assumindo tais “papéis” e elaborando os costumes decorrentes, os Haouka mostram que são umpovo superior, pois no episódio em que ocorre o sacrifício do cão, eles o fazem como forma de mostrar sua superioridade ingerindo um alimento que não é aceitável dentro da cidade.
Inclusive, os papéis...
tracking img