Resenha do artigo o plano nacional de educação como política de estado: antecedentes históricos avaliação e perspectivas.

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 2 (401 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 17 de outubro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Luíz Fernandes Dourado é doutor em educação pela Universidade Federal do Rio de Janeiro, com pós doutorado pela École des Hautes em Sociales(EHESS), professor titular da faculdade de educação daUniversidade Federal de Goiás (UFG).

Em seu artigo: O plano nacional de educação como política de estado: antecedentes históricos avaliação e perspectivas, o autor procurou fazer um resgate históricodos planos de educação e de suas relações com o planejamento do Brasil, principalmente o PNE 2001-2010. A breve análise histórica traçada pós 30, aborda o manifesto dos pioneiros da educação de 1932, aconstituição de 1934, as tentativas do conselho Nacional de Educação na criação e implantação de um plano, as leis orgânicas, a constituição federativa do Brasil de 1937 e a de 1946 até a de 1988 natentativa de desvelar disputas políticas e interesses hegemônicos que pairavam no período.

No artigo Luíz Fernandes dourado salienta que a história da educação brasileira foi marcada por muitasdisputas de projetos com concepções distintas que foram motivos de em bates entre aqueles que defendem o ensino público e os que defendem o ensino privado no Brasil.

O autor faz também análises sobreo documento do Ministério da educação (MEC) que apresenta a avaliação do PNE 2001-2010 em todos os segmentos educacionais. Ele apresenta e descreve também o projeto de lei do plano nacional deeducação, que estabelece as diretrizes para o PNE 2011-2020, composto por 20 metas e 150 estratégias de ação a partir das 10 diretrizes traçadas.
Luiz Fernandes analisa cada meta em seu artigo e com uma visãocrítica ele se posiciona sobre os aspectos que dirigem cada uma dessas metas.

Concluindo ele esclarece que o entendimento da educação em juntura com as demais políticas é fundamental para que elaaconteça enquanto uma política de estado. Para ele repensar a educação no estado brasileiro é fortalecer a sociedade civil e política, mas que para isso, necessita-se de significativos avanços da...
tracking img