Resenha diabo veste prada rh

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 3 (654 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 14 de maio de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Típico fraudador é homem, tem de 36 a 45 anos, e trabalha há mais de 10 anos na empresa, aponta pesquisa KPMG Análise internacional realizada pela KPMG com base em dados apurados em 348 investigaçõesde fraudes promovidas pela consultoria para clientes de 69 países apurou que o típico fraudador empresarial é homem, tem entre 36 e 45 anos, pratica desvios contra seu próprio empregador, trabalha naárea de finanças ou em setor ligado a ela, ocupa posição gerencial sênior, é empregado há mais de dez anos na companhia e age em conluio com outros fraudadores. O estudo “Who is the typicalfraudster?” (Quem é o fraudador típico?, em português), realizado agora em 2011, tem o objetivo de oferecer indicadores para que o gestor empresarial possa identificar eventuais riscos e ameaças a seusnegócios. Os resultados do estudo atual foram comparados aos de levantamento de 2007. Uma das mais importantes apurações da pesquisa está relacionada ao aumento percebido no percentual de casos em que osfraudadores aproveitaram fragilidades nos sistemas de controles internos das empresas para praticar desvios. Os casos dessa natureza eram 49% do total em 2007, tendo evoluído para 74% em 2011. De acordocom a análise, muito dessa evolução se deve aos cortes de custos adotados pelas corporações em razão da recente crise internacional. Segundo a análise atual, 87% dos fraudadores envolvidos nos casosinvestigados eram homens. Essa predominância de ações masculinas pode se dever, conforme avaliação da pesquisa, à subrepresentação feminina em posições de gestão das empresas. A maior parte dosenvolvidos em fraudes (41%) tinha de 36 a 45 anos; seguidos por aqueles com idade entre 46 e 55 anos (35%); e por profissionais de 26 a 35 anos (12%). Mais de um terço dos envolvidos em fraudes (35%) atuavaem cargos de nível gerencial sênior. Outros 29% ocupavam posições de gerência, enquanto 18% estavam nos segmentos de direção (nível superior de administração) e outros 18%, no staff (corpo funcional...
tracking img