Resenha da alegoria da caverna

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 2 (372 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 25 de abril de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
FACULDADES DE ARTES DO PARANÁ – 1°ACT
KAROLINE BERGOZZA ZAMBON
ALEGORIA DA CAVERNA

Na obra “A República” de Platão, pode-se encontrar no livro VII a Alegoria da Caverna, aonde o autor colocadois personagens, Sócrates e Glauco, dialogando sobre mundo visível e invisível. Passando assim sua mensagem por uma metáfora.
Quando Sócrates fala em seu diálogo de uma caverna, onde seus moradoresestão acorrentados de frente para a parede e as únicas coisas que podem ver são as sombras de objetos projetados por de trás deles, mostra-nos que quando somos cercados por ideias postas a nós,aceitando sem indagar, tornamo-nos prisioneiros das verdades colocadas por nós mesmos.
Quando é dada a oportunidade de algum dos moradores da caverna de subir até a saída e finalmente ver a luz do Sol, háuma cegueira, pois a luz solar é muito forte à ele. Então quando aos poucos ele se adapta a luz, e vai percebendo como as coisas que enxerga são muito mais reais, do que as que enxergava na caverna,que aquilo eram apenas sombras e percebe como era enganado, o autor nos traz assim uma mensagem clara de como é nossa visão cavernal de nossa realidade do conhecimento, aonde a luz solar é o mundo dasideias.
Embora quando este morador que viu a luz, e volta à caverna para avisar aos outros sobre a existência desse novo mundo, é visto como louco, pois a única coisa que ainda existe para os aindamoradores da caverna são as sombras e nada existe além daquilo. Visto como louco como são vistos os indivíduos de nossa realidade que não seguem o padrão e conseguem tocar o mundo das ideias.Podemos perceber que depois da possibilidade do conhecimento, não há como retroceder ao mundo da ignorância. Conhecer é um ato permanente de descobertas. Nesta metáfora, é evidente a relação de mundovisível referente ao conhecimento optativo, fundando-se nas crenças e nas imagens, e do mundo invisível referente à essência das coisas, das ideias, e do princípio do bem. O homem para se libertar do...
tracking img