RESENHA CRITÍCA Artigo: Avaliação Educacional e Clientela Escolar – Magda Soares

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas: 7 (1555 palavras)
  • Download(s): 0
  • Publicado: 22 de julho de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
RESENHA CRÍTICA

1 REFERÊNCIA BIBLIOGRÁFICA
SOARES, Magda B. Avaliação educacional e clientela escolar. Introdução à Psicologia Escolar. 2ª ed. São Paulo, 1991. p. 47-53.

2 APRESENTAÇÃO DO/A AUTOR/A DA OBRA
Magda Becker Soares é Professora Titular Emérita da Faculdade de Educação da UFMG - Universidade Federal de Minas Gerais. Pesquisadora do Centro de Alfabetização, Leitura e Escrita -CEALE - da Faculdade de Educação da UFMG. Graduada em Letras, doutora e livre-docente em Educação. Esse artigo é um trabalho que foi apresentado no simpósio “A utilização da avaliação educacional para incrementar as oportunidades educacionais e sociais”. São Paulo, Fundação Carlos Chagas, nov.78. Outras obras:
• Português: uma proposta para o letramento. São Paulo: Moderna, 2002.
•Alfabetização. Brasília: MEC/Inep/Comped, 2001.
• Letramento: um tema em três gêneros. 1a.. ed. Belo Horizonte: Autêntica, 1998. v. 1. 190 p.
• Literacy Assessment And Its Implications For Statistical Measurement. PARIS - TRADUÇÕES PARA O FRANC: UNESCO, 1992.
• Metamemória, memórias: travessia de uma educadora. São Paulo: Cortez, 1991.
• Português através de textos. São Paulo: Moderna, 1990. v. 4.
•Alfabetização No Brasil: O Estado do Conhecimento. BRASILIA: INEP/REDUC, 1989. 00151 p.
• Linguagem e Escola: Uma Perspectiva Social. SAO PAULO: ATICA, 1986. 00086 p.
• Travessia: Tentativa de Um Discurso da Ideologia. BELO HORIZONTE: AMIGOS DO LIVRO, 1982. 00095 p.
• CAMPOS, E. N. Técnica de Redação: as articulações linguísticas como técnica de pensamento. RIO DE JANEIRO: AO LIVRO TECNICO, 1978.00191 p.
• Comunicação em Língua Portuguesa (Coleção Didática - 4 Volumes). RIO DE JANEIRO: FRANCISCO ALVES, 1975.

3 REFLEXÃO CRÍTICA SOBRE A OBRA E IMPLICAÇÕES
O artigo “Avaliação educacional e clientela escolar” datado da década de 70 aborda o tema avaliação escolar como instrumento de segregação da sociedade. De um modo geral, a autora apoia-se em diversos estudiosos para defender suasconclusões acerca da relação de avaliação enquanto instrumento de controle das hierarquias sociais.
Numa das oportunidades em que declara suas próprias ideias, Magda Soares nos lembra de que a avaliação ao ter como finalidade o controle do conhecimento define rigidamente (grifo nosso) o que deve saber o estudante e avalia se ele sabe tudo o que deve saber e apenas o que deve saber, e ainda se sabe talcomo deve saber. Para tal conclusão apoia-se em um autor: “(...) tal como afirmam Bordieu Passeron (1975), o exame não é somente a expressão mais legíveis dos valores escolares e das escolhas implícitas do sistema de ensino: na medida em que ele impõe como digna da sanção universitária uma definição social do conhecimento e da maneira de manifestá-lo, oferece um de seus instrumentos mais eficazes aoempreendimento de inculcação da cultura dominante e do valor dessa cultura".
Com este discurso, incentiva-nos a reagir à “falsa” seleção educacional que em decorrência das desigualdades sociais implicitamente reforça as desigualdades escolares. O tema do simpósio “A utilização da avaliação educacional para incrementar oportunidades educacionais e sociais”, norteador desse artigo, ignora aprática seletiva e controladora da avaliação a partir do controle das hierarquias sociais, pois os resultados dos estudantes literalmente apontam a legitimação da cultura da classe dominante em detrimento de outras. Assim, a autora define que para os estudantes da classe dominante seus resultados não dependerão somente do seu desempenho escolar, do contrário, os estudantes das classes desfavorecidas,seu sucesso escolar está condicionado exclusivamente ao seu desempenho.
Nesse contexto, Magda Soares questiona a expressão universalmente aceita “igualdade de oportunidades educacionais", visto que, reforça o princípio de desigualdades entre os indivíduos para fazer uso dessas oportunidades, isentando a escola da responsabilidade de garantir a equidade educativa, que implica uma combinação de...
tracking img