Resenha crítica:

CANDIDO,Antonio. “A literatura e a formação do homem”. In Ciência e Cultura. São Paulo, v 24,n9 ,p 803-809, setembro de 1972.
________ “O direito à literatura”, In___ Vários escritos. 3a. ed ,rev. eampl São Paulo: Duas Cidades, 1995.p 235-63

Resenha Crítica


A Literatura e a Formação do Homem, 1972 do autor AntônioCandido publicado na revista Ciência e Cultura fala sobre a humanização do homem por meio da literatura. Já no texto O Direito à Literatura o autor fala sobre o direito que o homem tem à literatura.Antônio Candido é escritor, ensaísta e professor universitário. É o mais importante crítico literário brasileiro. Em 1937 iniciou os cursos de direito e de ciências sociais na Universidade de SãoPaulo (USP). Candido nos referidos textos faz uma abordagem sociológica da literatura.
No texto A Literatura e a formação do Homem o autor descreve a função humanizadora da literatura como funçãopsicológica, formadora e social, sintetiza que a literatura esta sempre presente na vida do homem, contribuindo para a formação de sua personalidade e desempenhando um papel social porque o leitor se senteparticipante, pois consegue se identificar com o texto. Já no texto O Direito à Literatura, o autor descreve a literatura como um direito de todos, uma necessidade universal, que todos tem o direito atodos os níveis de cultura, pois quanto mais justa for a sociedade, mais igualitária e humanitária ela será.
Candido, em ambos os textos defende a idéia de que a literatura esta ligada ao real edesempenha um importante papel psicológico e sociológico na vida das pessoas e, que todos, independente de nível social, têm direito a usufruir da literatura porque ela é um bem incompressível e porisso inalienável. Mas isso nem sempre acontece, pois muitos ainda não perceberam que é imprescindível que todos tenham acesso à literatura.
Portanto, nos textos o autor nos mostra que uma sociedade...