Resenha crítica do filme o poder além da vida

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas: 12 (2818 palavras)
  • Download(s): 0
  • Publicado: 15 de junho de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
FAE CENTRO UNIVERSITÁRIO
PÓS GRADUAÇÃO EM DESENVOLVIMENTO GERENCIAL
DISCIPLINA QUALIDADE DE VIDA E AUTODESENVOLVIMENTO – MÓDULO 167
PROFESSOR MARCELO KARAM GUERRA
ALUNO CLAUDINEI DE ALMEIDA
01/04/2011

RESENHA CRÍTICA DO FILME O PODER ALÉM DA VIDA – Dan Millman

De madrugada, acordado por um pesadelo, o jovem Dan Millman resolve “tomar um ar fresco” e indo até uma loja de conveniências éatendido por um senhor de cabelos e barbas brancas, que após o atender e ser visto atrás do jovem, surpreendentemente aparece “em cima da loja” de repente e inexplicavelmente, sem o jovem perceber. Neste momento iniciaria o contato com deste jovem com o misterioso homem. Tomado pela curiosidade, o jovem retorna na outra noite para se aproximar e questionar ao velho homem, dizendo que sabe umasérie de coisas e seria muito difícil o velho ter saltado daquela forma, o velho não explica e simplesmente responde suas indagações iniciando seus ensinamentos: conhecimento não é sabedoria e entre outras coisas diz que o jovem precisa saber muita coisa antes de compreender o que viu. O jovem então pede ao velho para que pergunte o que quiser e ele dispara “você é feliz?”, e devolve “o que felicidadetem a haver com isso?”, mas responde que os pais tem dinheiro, que a faculdade é fácil e tira notas boas, tem bons amigos, está em ótima forma física e só dorme sozinho quando quer. O velho também emenda “e porque não consegue dormir a noite?” o jovem pergunta se o homem é algum filósofo e brinca chamando-o de “Sócrates”, do que o chamaria dali para frente. Dan se assusta, quando velho faz maisuma pergunta, o que o jovem faria se não entrasse na equipe olímpica, e vai embora dizendo que o velho é louco e não precisa de alguém mexendo com a cabeça dele.
Entre brincadeiras e cervejas, Dan discute e quase se estapearam com um dos seus amigos, por ter roubado a namorada dele.
O jovem é obcecado por superar-se na ginastica olímpica e assim compensar suas fraquezas. Entre o esporte efaculdade, reveza momentos de diversão e saída com garotas. Curioso, o rapaz volta a procurar o sábio homem e comenta que vê seus sapatos nos sonhos, o velho diz que “é possível viver toda a vida sem estar acordado”. O jovem intrigado pergunta ao velho se ele sabe tanto, porque trabalha num posto de gasolina, quando o homem diz que ali se oferece serviços, e diz “não um propósito maior”, servir aosoutros. Naquele mesmo dia ele conhece a garota chamada Joy, que seria futuramente sua esposa. Interessado, Dan pergunta sobre a moça e o velho responde que ele “precisa fazer perguntas melhores”. Como estão comendo, o Sócrates diz ao rapaz para comer devagar e nisto talvez sinta o gosto de algo. O rapaz retruca dizendo que ele tem muitas regras e ele explica que não são regras e sim coisas que aprendeucom sua experiência de vida. O velho diz que o jovem pratica ginástica e ele pratica tudo. Disse também que se o treinasse, o rapaz não comeria carne, nem usufruiria de bebidas, sexo, drogas. Pergunta se a dieta do rapaz consegue o melhor dele. Dan respondendo que sim, o homem o desafia a ficar em uma posição por cinco minutos sem se mexer e o rapaz não consegue. O velho fala que “todos lhe dizemo que fazer e o que é bom para você” e “querem que você acredite nas respostas deles” e o rapaz pergunta se o velho quer que acredite nas respostas dele, ele continua dizendo que quer que o rapaz pare de reunir informação do seu exterior... e comece a reunir do seu interior. O rapaz ironiza e ele continua “as pessoas temem o que há por dentro” e “é o único lugar em que encontrarão o queprecisam”. Diz que quando o rapaz não consegue dormir à noite porque, tarde da noite, quando o barulho diminui... “e você está deitado na cama e não há ninguém, só você...” “talvez você se sinta um pouco assustado” “assustado porque tudo parece tão...” “vazio”; “diga-me que quer ser mais do que alguém que se ergue nas argolas... e executa uma manobra bem praticada ou duas... Diga-me que quer ser...
tracking img