Resenha 'a cultura mundo'

Antropologia Cultural

Resenha do livro ‘A Cultura-Mundo: Resposta a uma sociedade desorientada’


O livro ‘A Cultura-Mundo: resposta a uma sociedade desorientada’ de Gilles Lipovetsky e JeanSerroy abrange e discute de forma objetiva e atual a situação da cultura no mundo moderno, denominada por ele, a “Cultura-Mundo”. O livro abrange alguns aspectos importantes como:

- A era dacultura-mundo
- A desorientação cultural
- A cultura como mundo e como mercado
- Uma cultura hipertecnológica e hiperconsumista
- A nova cultura do individualismo
- Uma cultura de marcas e celebridades- Um mundo homogeneizado e americanizado
- A cultura-mundo como civilização

Vou abordar cada um desses tópicos separadamente, refletindo e discutindo sobre o conteúdo do livro e então,finalmente, encerrar com a conclusão do autor.
O livro começa dizendo como o fluxo de modernidade revolucionou a cultura e que, através dos produtos, das imagens e da informação em abundância, surgiu umaespécie de “hipercultura universal” que transcende as fronteiras de qualquer tipo, reconfigurando a todo momento o mundo em que vivemos e ditando novos padrões para a civilização que ainda está por vir. E éexatamente isso que o autor denomina “A Cultura-Mundo”.

- A era da cultura-mundo
Como citei nos parágrafos introdutórios, é a era atual em que a tecnologia e o fácil acesso à informação derrubouas barreiras que dividiam os indivíduos de cada canto do globo. Como cita o livro, o conceito de ‘cidadão do mundo’ foi levado a um outro nível, um nível mais profundo ainda, em um “mundo semfronteiras dos capitais e das multinacionais, do ciberespaço e do consumismo, não se limitando mais à esfera apenas do ideal”.
A era da cultura-mundo significa o fim da ‘heterogeneidade tradicional’ daesfera cultural. Designa a era da ampliação do universo da comunicação, da informação, da midiatização. O desenvolvimento constante de novas tecnologias de comunicação tornou possível uma rapidez...