Renascimento

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 2 (484 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 15 de abril de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Renascimento Origem

Renascimento (ou Renascença) foi um período na história do mundo ocidental com um movimento cultural marcante na Europa, considerado como um marco do final da Idade Média e oinício da Idade Moderna. Começou no século XIII na Itália e difundiu-se pela Europa no decorrer dos séculos XV e XVI.

Marcou o início da Idade Moderna, surgindo como um movimento de renovação queatingiu a Filosofia, Artes e as Ciências. Além disso, o Renascimento fez parte de uma ampla gama de transformações culturais, sociais, econômicas, políticas e religiosas que caracterizam a transiçãodo Feudalismo para o Capitalismo.
Nesse período, diferente da era medieval onde predominava o teocentrismo (Deus como centro do universo), na idade moderna o que surgia com bastante força era aconcepção antropocêntrica (o homem no centro do universo, o entendimento humano ganham imenso valor), a natureza passa a ser fundamento essencial para esse analise de compreensão do mundo, comfundamentos na cultura greco-romana.
O Renascimento Cultural manifestou-se primeiro na Península Itálica, tendo como principais centros as cidades de Milão, Gênova, Veneza, Florença e Roma, de onde sedifundiu para todos os países da Europa Ocidental. Porém, o movimento apresentou maior expressão na Itália. Não obstante, é importante conhecer as manifestações renascentistas da Inglaterra, Alemanha,Países Baixos, e menos intensamente, de Portugal e Espanha.

Significado
* O termo Renascimento designa os séculos XV e XVI da história europeia, altura em que surgiu uma nova concepção de Homem eNatureza, assim como um renovado entusiasmo pela cultura clássica.
* A palavra já era usada no Baixo Império Romano e, nessa altura, significava conversão.
* No século X, por exemplo, RutílioNumantino emprega-a para designar todos aqueles que se convertiam ao cristianismo, abandonando os ritos pagãos. Esta acepção manteve-se até meados de quinhentos, embora nesta altura Giorgio Vasari...
tracking img