Religiao n

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 2 (259 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 20 de julho de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
RELIGIÃO
Cai a proporção de católicos e cresce a de evangélicos
Apesar da predominância do catolicismo no Brasil, a proporção de pessoas que se declararam católicascaiu de 83,8%, em 1991, para 73,8%, em 2000. Em contrapartida, os evangélicos, que correspondem ao segundo maior percentual, representavam, em 1991, 9 %, e em 2000chegaram a 15,4%. Na terceira posição encontram-se as pessoas que declararam não ter religião, 7,3 %, em 2000, contra 4,8%, em 1991. Os católicos, evangélicos e semreligião representavam, em 2000, 96,5% da população brasileira.
O Rio de Janeiro apresentou a menor proporção de católicos (57,2%) e o maior contingente de pessoas semreligião (15,5%). As pesquisas indicam que, ao longo dos censos, o Rio de Janeiro vem apresentando uma maior diversidade de declarações de religião.
As maiores concentraçõesde evangélicos estão no extremo norte do País, mais especificamente no Amazonas (19,2% ), Roraima (23,6%), Acre (20,4%) e Rondônia (27,7%). No Rio de Janeiro (21,1%),Espírito Santo (27,5%) e Goiás ( 20,8% ) as proporções também foram expressivas.
O catolicismo teve maior penetração nos estados pertencentes à Região Nordeste,principalmente no Piauí (91,3%), Ceará (84,9%), Paraíba (84,2%) e Maranhão ( 83%). Além do Rio de Janeiro, Espírito Santo (60,9%) e Rondônia (57,5%) apresentaram as menoresproporções de católicos apostólicos romanos.



http://www.ibge.gov.br/home/presidencia/noticias/08052002tabulacao.shtmTabela com a população evangélica por Estados 

[pic]



http://olharcristao.blogspot.com.br/2011/09/populacao-evangelica-brasil-em-agosto.html
tracking img